E AGORA, JOSÉ?

  • por em 23 de janeiro de 2021

Bruno Haddad/Cruzeiro/Flickr

“… a festa acabou,

a luz apagou,

o povo sumiu,

a noite esfriou,

e agora, José? ”

A pergunta de Drummond ressurge nas encruzilhadas da vida: fim de festa, de casamento, de sociedade, de sonhos, de campeonatos.

E agora?

Os rumos estão à frente. Escolha qualquer um, e até mesmo nenhum se resolver não resolver.

Somos as nossas escolhas. Comandar clubes apaixonantes é dirigir emoções. No caso do Cruzeiro, 9 milhões de olhos vigiam. É um Big Brother. Só pensamento fica escondido.  Qualquer derrapagem administrativa é descoberta, mais cedo ou mais tarde. Da mesma forma, os relacionamentos espúrios, clandestinos. Os próprios bandidos divulgam pra mostrar prestígio em seus grupos.

No melancólico fim de festa do Cruzeiro, cumprida a meta negativa assumida pelo comando (não cair para a Série C) chega a hora do planejamento.

As dificuldades eram e continuarão sendo imensas. Que Deus ilumine as decisões a serem tomadas.

A Nação Azul quer ajudar. Só exige boa vontade e transparência.

E agora, José?

BATE PAPO NO QUINTAL

1João de Deus Filho adverte que o Cruzeiro terá mais dificuldades nesta nova Série B porque outros grandes vão cair. Você tem razão, João, mas o Cruzeiro também não será o mesmo. E quanto a estarmos hoje na UTI, concordo. Comendo o pão que o diabo amassou. Mas a vacina está chegando.

2Antony Junior, com Silva Silva e Peppeu se apresentam para apoiar o afoito Paulo Cesar Oliveira no jogo contra o Operário: ele achou que o gol deles, anulado, era legítimo. Agora são quatro contra o resto.

3Rei Melo, concordo em quase tudo com você. Discordo do apoio à violência e dos “400 conselheiros bandidos”. Temos, sim, conselheiros que não merecem a honra de pertencer ao Conselho Deliberativo do Cruzeiro, mas são minoria. E, por favor, nada de se envergonhar de nosso time. Não somos pequenos. Estamos pequenos. Somos grandes: 2 Libertadores, 2 Supercopas, 4 Brasileiros, 6 Copas do Brasil! Isto é pra poucos. Muito poucos!

4Alex Souza: assino embaixo o seu comentário. Ipsis literis.

5Yago Fagundes critica nossa atuação à frente do Cruzeiro e acusa:  “É uma vergonha. O Conselho deveria enviar uma carta aberta à torcida pedindo desculpas.”

Yago: sou testemunha da dedicação do Conselho Gestor quando assumimos o barco afundando. Aqueles empresários praticamente abandonaram as suas atividades particulares para dedicarem todo o seu tempo ao Cruzeiro, naquele período difícil. Com a pandemia potencializando as dificuldades.

6 Galo Doido New York: só Freud pra explicar sua fixação com o Fluminense e, agora, o Guarani, do Paraguai. O IFFHS expõe o critério que definiu e aplica. No ranking mundial de 2020 você, pelo menos, concorda que o Top 10 é coerente.

Aceite, por favor. E vamos passar a seguir o líder!

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

All Comments