É HOJE!

  • por em 20 de novembro de 2020

Bruno Haddad/ Cruzeiro/Flickr

21h30, Mineirão.

Quando o Cruzeiro entrar em campo nesta noite para enfrentar o Figueirense, 9 milhões de olheiros que compõem a Nação Azul vão conferir o resultado de dez dias de treinamento. A expectativa é a melhor possível, não só pela nova estreia de Rafael Sóbis e o retorno de um Marcelo Moreno recauchutado pela seleção boliviana.

Como estará o entrosamento do time? As reposições de bola? O desempenho na intermediária e grande área do adversário? É aí que a gente vinha morrendo de raiva vendo o time jogar. E, ao que parece, será neste setor que surgirá nesta noite um time mais entrosado jogando pra frente, com objetividade.

Os treinos foram nesse sentido.

Vamos conferir?

BATE PAPO NO QUINTAL

1. Considerando  que foi muito curto o adiamento concedido para a votação do novo Estatuto, grupos sociais esperam que mais oportunidades sejam abertas para debate, em vista da complexidade do cadastramento proposto. Por que a pressa? Por que não abrir debates presenciais dos temais mais polêmicos, por exemplo com a presença dos 100 ou 200 primeiros conselheiros e torcedores que se inscreverem? Nunca a pressa será tão inimiga da perfeição.

2. Foguetório diferente na Capital, quarta–feira à noite. Americanos festejavam a presença do time nas quartas de final da Copa do Brasil, após excelente atuação contra o Internacional, tal como fizera com o Corinthians.  Agora, vem a semifinal contra o Palmeiras, enquanto São Paulo e Grêmio disputam a outra vaga.

Uma façanha memorável, ganhar a Copa do Brasil.

Quartas de final, já disputamos 10 vezes. Finais, vencendo, foram 6 troféus pra nossa coleção. A gente era feliz e sabia.

3. O acordo celebrado com Fred, na justiça trabalhista, vem sendo comemorado. O pedido era de quase 80 milhões e foi “reduzido” para 25 milhões, a serem pagos em prestações de 450 mil a partir de 2022. Pelos números, a vantagem é indubitável. Mas quando se recorda que este contrato foi feito por Itair Machado representando o Cruzeiro, percebe-se o absurdo dos compromissos assumidos pelo Clube. Chapeuzinho Vermelho teria mais chances ante o Lobo Mau.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

All Comments