FUNDO DO POÇO!

  • por em 18 de outubro de 2021

Bruno Haddad/Cruzeiro/Flickr

A greve dos jogadores, pela forma prudente e respeitosa com que foi anunciada, revela movimento bem pensado, nascendo com força definidora. Sinaliza que não haverá recuo. A partir de agora, impossível tergiversar ou ignorar com “pronunciamentos” vazios, no irritante esquema de “falar sem falar”.  O Cruzeiro não é uma obra particular em construção, que suspendemos para viajar e fazer palestra no exterior. Saímos, mas os problemas, os desafios e os compromissos ficam; os dias continuam passando e boletos, como sempre, vencem. Salários, idem. A ausência do responsável não resolve, agrava.

Três ou quatro linhas que o Presidente possa acrescentar no seu currículo, em razão de cursos na Europa, compensam o vexame nacional desta greve?

Até este imenso patrimônio físico e metafísico como possui o Cruzeiro pode se perder de forma irrecuperável se continuarmos brincando de administrar.

Vamos calçar as sandálias da humildade, apagar a vela ao diabo, bater na porta de outros Pedro Lourenços e dar os primeiros passos para o empreendimento do Barro Preto, com o aporte inicial de 100 milhões de reais para sairmos da UTI.

BATE PAPO NO QUINTAL

1. Jorge- apesar de tantos recursos culturais, às vezes procura no valioso estoque e não encontra o que precisa. Aí comete um pecadilho que vem se repetindo com frequência, neste QUINTAL: toma a parte pelo todo. Recurso barato do qual lançamos mão em discussões durante as quais sentimos um direto no queixo, sem conseguir revidar. Pega-se uma frase infeliz ou precipitada, dita por um cruzeirense, e ela é rotulada de Nação Azul. Três dessas apelações preferidas pelo Jorge são “quarta tem mais”, “time grande não cai” e “O Cruzeiro vai subir com um pé nas costas.” 

Meu caro, na Luta Livre isto equivale a dedo no olho. Desclassifica o lutador. Quem falou que “time grande não cai”, tem toda razão. Não cai mesmo. Isto só acontece se, antes, ele se tornar pequeno, como aconteceu com o Atlético, atacado por trombadinhas;  ou com o Cruzeiro, vítima de Crime Organizado. O Atlético, na Série B, liderou a competição de ponta a ponta e saiu como campeão. Tinha pandemia? Ele foi destroçado antes pelos seus dirigentes? Por favor, não comparem casco de tartaruga com Ave Maria de Schubert.

A terceira “apelação” sempre usada AGORA por Jorge é a previsão, que também fiz, de que o Cruzeiro na Série B não iria apenas subir. Nós daríamos exemplo do que seria um time verdadeiramente grande, por dentro e por fora, disputando a B. Fiz várias reuniões com o Marketing do Cruzeiro e saíamos cada vez mais emocionados com o planejamento, incluindo distribuição local de brinquedos para crianças e utilitários para idosos. O comércio das cidades a serem visitadas pelo time faria previamente as doações, em permuta com divulgação no Site do Clube. Seriam escolhidos os centros mais carentes e necessitados, construindo assim, em poucas semanas de divulgação, uma aura benfazeja de expectativa, também extracampo. O planejamento estava sendo concluído, quando a pandemia chegou e fechou as portas do mundo. Não encontramos recursos nem pra nos levantar.

Entendeu, Jorge? 

2. Marcilio Vaz insiste na tese da arrogância, reproduzindo a definição dos clássicos sobre esta imperfeição humana, que jamais foi nossa. Ter satisfação e comemorar títulos conquistados não pode ser apontado como arrogância. Volto a me valer do exemplo do Prêmio Nobel que agora está em sua distribuição anual. O escolhido que, feliz, proclamar a honraria estará praticando a arrogância? Repetir que somos hexa campeões da Copa Brasil e tetra do Brasileiro é arrogância?

E colocar no hino um “Campeão do Gelo” que até hoje ninguém sabe onde foi e quem é o vice? Ah, isto pode!

3. Pedro pega barril de gasolina, fósforo, congratula-se com Jorge, e vem “ajudar” o Cruzeiro em seu projeto de Clube Empresa. Desculpe-me, Pedro, mas seu palpite como analista atleticano dos projetos de reestruturação do Cruzeiro tem o mesmo valor de um canivete sem cabo que perdeu a lâmina.

4. Marco Aurélio vai direto ao ponto:

“Série B é uma baba. Se o Cruzeiro tivesse o mínimo de organização já teria subido. Ninguém aguenta atrasos de salários recorrentes. Aqui, encher o tanque custa 300 para um salário mínimo de 1.000. ”

Marco Aurélio, onde você estava nestes últimos dois anos, meu amigo? Em Marte, numa destas caravanas já disponibilizadas? Aqui na Terra logo no início de 2020 houve uma pandemia mundial por causa do Coronavírus.  Atingiu todos os clubes, lógico. Eles se reergueram, porque foram pegos de pé, lutando. Só um estava no chão, exaurido por quem deveria fazê-lo ainda maior. Este, sem qualquer recurso, dizimado, procura reagir ante tantas e tamanhas dificuldades. O ideal é encontrar, como você bem diz, “um mínimo de organização”. Mas não está sendo fácil, porque só nos falta tudo!

5. Carlos Eduardo, curto e grosso:

“O que estou tentando entender agora neste exato momento é sobre a palestra que o nosso “presidente” está ministrando na Europa sobre gestão de futebol. Devo ter lido errado ou se trata de Fake News? ’’

Você leu certo, Carlos Eduardo. É mais fácil compreender quando a gente fica sabendo dos outros três palestrantes do grupo que se apresentou em Portugal: O general Pazuello, falando sobre logística na pandemia; Ex presidente Dilma abordando o alcance de metas e, finalmente, o Sargento Garcia anunciando novo esquema pra pegar o Zorro.

6. Bruno Araújo de Carvalho acusa:

“Chega a ser surreal a presença do famigerado presidente do Gel em Portugal e o Clube vivendo esse caos administrativo culminando com a greve dos jogadores. ”

Bruno, e quando se sabe do tema da palestra, o termo surreal fica pequeno.

7. Rodrigo Valu escorregando na maionese,

“Ficaram encantados com a raça em jogo amistoso? Depois vem a bomba da greve por falta de salários. É essa a razão. Também é essa a razão de não subirem. ”

Que é isso, cara pálida? Onde você sonhou com jogo amistoso contra o líder? E o que é que tem o botão de rosa com enchente na Tailândia?  Continuamos, sim, vivendo uma crise horrível iniciada com a rapinagem geral contra o Cruzeiro e cuja recuperação tornou-se dificílima por causa da pandemia. Você acha que se fosse com o Atlético seria diferente? Seria sim, pior.

8. Jamicel interpreta a Nação Azul:

“ Nos dois últimos jogos, Coritiba e Botafogo, tivemos uma pequena amostra do que é o Cruzeiro, uma simbiose entre torcida, campo e luta. Na saída do estádio, tive a certeza de que voltaremos, de forma triunfal, em breve! ”

Meu caro Jamicel, a prova de que você está certo é a imediata reação dos atleticanos Teobaldo, Peppeu e Marcelo. Têm calafrios só de pensar na nossa volta. Porque aí Cruzeiro e Atlético passarão a ocupar os seus devidos lugares.

9. Augusto, presidente do Fã Clube do Jorge, reproduz as suas pragas, mas em tons ainda mais graves e conclui que o Cruzeiro se transformou em um NADA.

Cuidado, Augusto. Esse NADA às vezes é TUDO! Veja a última pesquisa do Data Tempo.

10. Atleticano, com razão, aponta falha da coluna em silenciar sobre a greve dos jogadores. O editor do blogueiro, seu neto Rafael Rocha, mora em São Paulo. A coluna publicada quinta-feira última foi-lhe enviada quarta de manhã, quando o blogueiro iniciou viagem para Aracaju, com demorada escala em Recife.  Na tarde de quarta os acontecimentos graves se precipitaram. O mais lamentável é precisarmos de greve para forçar pagamento de salário.

Em seguida, Atleticano se candidata ao reduzidíssimo grupo da Racionalidade, liderado por João de Deus, confessa-se com os pés no chão e admite que a decantada vantagem de 11 pontos pode se reduzir a dois, após confronto direto com o Flamengo. Parabéns. Cautela e caldo de galinha até ontem não haviam matado ninguém.

No fim de seu texto, porém, Atleticano sofre recaída feia. Quer ignorar a maracutaia do apagão seletivo de luz no Independência e que garantiu a Libertadores… Tente tampar o sol com peneira. Você consegue?

11. Guilherme Henrique pede que o blogueiro tire uma dúvida:

“O presidente Sérgio afirmou que, antes da posse dele, você e o Conselho Gestor já haviam definido o Rodrigo Pastana como diretor de futebol. Qual foi o critério avaliado? ”

Meu caro Guilherme, o atual presidente, sem pensar duas vezes, desconstituiu tudo que foi possível desconstituir deixado por mim e o Conselho Gestor. Porque iria manter o Pastana a contragosto?

12. Rei Melo insiste nas más escolhas de técnicos e de reforços. Tem razão, parcialmente porque na grande maioria dos casos foram apostas de risco. Poderiam dar certo. Em todo tempo encontramos casos de jogadores que falham em um clube e acertam no outro. Uma decisiva conjugação de circunstâncias define êxito ou fracasso.

13. Cassio direto ao ponto:

“Esperto é o Dalai que criou um filho atleticano…”

Teobaldo acrescenta que se trata de evolução da espécie preconizada por Darwin, ao que Jorge lembra que “os pais sempre querem o melhor para os filhos…”

Meus caros, toda família está sujeita a uma situação assim. Fiz o que pude: intercambio na Austrália, cursos em Cambridge e Lisboa. Disfarçadamente, paguei psicólogo por cinco anos. Não deu certo. Mas ele é minoria absoluta tanto na minha como na família dele.

14. Jack, a exemplo de toda a Nação Azul, não consegue entender o que está acontecendo no Cruzeiro, ganhando agora triste exposição com a greve dos jogadores. É o fundo do poço, Jack. Uma saída agora é obrigatória.

15. Mecão das Gerais “jantando” atleticanos ilustres, com um cardápio datado de 1948!

16. Manuel Panhame reage, recorrendo a Nietzsche! Pela potência do remédio calcula-se o tamanho da encrenca!

17. Manuel Panhame/2 volta pra questionar os Anos Dourados de Bullyng Azul. Duraram meio século? Ou “apenas” 30 ou 40 anos?

Meu caro historiador, estamos fazendo um levantamento do calvário alvinegro. Com todo prazer.

18. Laner de Lucena Murad abre o coração sofrido, impulsionado pela recente recuperação do time, mas machucado pelos desmandos administrativos. Você escreveu em nome de 9 milhões de corações azuis.

19. Galo Doido New York viu quatro pênaltis a favor do Atlético, não marcados, no jogo contra o Santos. Meu filho Gustavo Rocha “viu” seis! Nenhuma paixão clubística cega tanto quanto a atleticana. Racionalidade passa longe!

20. Marcio, cirúrgico, disseca a pujança atleticana, um show de ostentação, e as agruras de nosso presente agravadas por uma administração que vai de mal a pior.

Marcio, com esta greve dos jogadores, estamos no fundo do poço. Mesmo não sendo de seu perfil, o comando cruzeirense terá de tomar uma decisão.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

All Comments

Subscribe
Notify of
guest
90 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Teobaldo

Realmente é o fundo do poço: Aracaju é, seguramente, o lugar mais feio do mundo. Meus sentimentos!

Jorge

Bom dia a todos!
Apesar da greve dos jogadores, desejo uma longa e duradoura SEGUNDA a todos os bbruzeirenses.

Porque a greve vai passar, mas a SEGUNDA não. Ano que vem tem mais. Terrível, terrível, terrível!

E o Dalai parece ter sentido o golpe quando a gente explica que a caracterização da arrogância bbruzeirense não é pela sua apologia aos títulos conquistados. Que todo time faz isso. Mas pela sua falsa percepção de uma superioridade ilusória, que faz bbruzeirenses afirmarem bobagens do tipo: ‘o Bbruzeiro é incaível’, ou a sua vertente, ‘time grande não cai’, naturalmente se imaginando fazer parte desse grupo.

E a arrogância e vaidade sempre cobram um preço muito alto. Assim, o ‘incaível’ se tornou ‘insubível’ e descobriram que ‘time pequeno não sobis’.

Mas o Dalai atribui a mim a repercussão da frase ‘quarta tem mais’ que acredito nem ter reproduzido aqui, apesar de, sem dúvida, ser mais uma prova, ainda que isolada, da infecção pelo vírus da arrogância e da vaidade que sempre acomete bbruzeirenses, como no caso daquele outro, esse em estado grave de infecção, que afirmou ‘O Bbruzeiro é incaível, nem Deus faz o Bbruzeiro cair. O Bbruzeiro é maior que Deus’.

Mas, apesar da ilusão, o Bbruzeiro caiu. Porém, a arrogância e a vaidade não. Me digam qual foi, entre os 12 ou 13 clubes mais tradicionais do Brasil (vamos deixar a arrogância do ‘grande’ de fora) que, após a queda, não colocou a barba de molho e se preparou convenientemente para uma guerra de 38 batalhas DENTRO DE CAMPO?

Qual foi o time tradicional que após a queda afirmou que ‘subiria com os pés nas costas’? Qual foi o time tradicional que, caído, começou a tentativa de se reerguer dizendo que ‘série B não é para gente; série B é para os outros’?

Qual foi o time tradicional que, caído, dizimado, destruído, ao invés de se preparar para jogar futebol se preocupou em fazer campanha de marketing nas cidades que seriam visitadas, naturalmente acreditando que seria um evento fantástico a presença do ‘gigante’ nas ‘cidades de série B’?

Olha que maravilha, que pérola: “Fiz várias reuniões com o Marketing do Cruzeiro e saíamos cada vez mais emocionados com o planejamento, incluindo distribuição local de brinquedos para crianças e utilitários para idosos. O comércio das cidades a serem visitadas pelo time faria previamente as doações, em permuta com divulgação no Site do Clube. Seriam escolhidos os centros mais carentes e necessitados, construindo assim, em poucas semanas de divulgação, uma aura benfazeja de expectativa, também extracampo.”

Pois é. O comércio local botaria a mão no bolso e faria doações simplesmente pelo prazer e pela honra incomensurável da divulgação no site do clube. E os “centros mais carentes e necessitados” jamais seriam os mesmos depois da concessão da passagem do ‘gigante’ Bbruzeiro por eles. Seria quase como o encontro de um semi-deus grego com os comuns mortais. Impressionante!

Só que, enquanto ficavam elocubrando essas bobagens, esqueceram de que precisavam mesmo era de um time de verdade para disputar a série B. Que ninguém iria fazer reverência ao ‘poderoso’ Bbruzeiro, um gigante ‘temporariamente’ caído. Mas para quem acreditava em subir ‘com os pés nas costas’, essa coisa de ter time forte e preparado para uma guerra muito complicada era coisa acessória. Sem dúvida que os adversários, apavorados, entregariam os pontos só de ver o ‘gigante’, só de ver a camisa do Bbruzeiro. Tá aí o resultado. Mas tudo isso não é arrogância nem vaidade, não. Pelo contrário, é a mais cabal prova da humildade bbruzeirense.

Fizeram tudo que não precisava. Só se esqueceram (ou se iludiram), que títulos passados não produzem vitórias no presente. E que suposta ‘camisa pesada’ não ganha jogo. O resultado está aí e, ainda assim, se negam a enxergá-lo. Afinal sempre dá para dizer que a culpa foi da pandemia… Continuem assim. E quando alguém acusar o bbruzeirense de arrogância e vaidade, não acreditem. Digam que é pelo currículo próprio e pela inveja alheia. Tem dado certo nos últimos dois anos. Tem que manter isso aí, viu?

E dizem que ‘conselho, se fosse bom, ninguém dava, vendia’. É verdade, mas como o Bbruzeiro não tá podendo pagar, eu vou dar o conselho de graça mesmo. É que o Dalai, respondendo a um seu correligionário afirma: “É o fundo do poço, Jack. Uma saída agora é obrigatória”. Bom, só de sacanagem, eu poderia dizer para ele onde está a saída. Mas como eu sou um cara legal, meu conselho é para ficarem quietinhos no fundo do poço da SEGUNDA mesmo. Porque se acharem a saída e abrirem o alçapão, aí é que a coisa fica feia prá valer! Terrível, terrível, terrível!

Por hoje é só. SEGUNDA? Tem mais! E na quinta, também. Abraços.

Marcilio Vaz

Cirurgico Jorge, respondeu por mim com relação a arrogância, a questão não é a comemoração de titulos, na verdade esta comemoração é muito valida devido ao empenho, foco, dedicação empenhados na conquista do titulo, nada mais justo que comemore eles. A arrogância está em se achar e não ser, realmente um defeito dos seres humanos muito presente no BBruzeriro. Quer uma prova disso? A camisa time grande não cai era vendida nas lojas do BBruzeiro. Uma dúvida Dalai time grande não cai era comemoração de algum título ou o time grande quando caiu deixou de ser grande? Era arrogância pura né!
Não concordo com o título de hoje, “FUNDO DO POÇO”, não chegou nem perto do fundo ainda. Grande abraço Dalai!

Márcio

Cruz! Parei de ler! Prezado Jorge, sem ofensas, minha limitação me impede de compreender sua afirmação “Mas pela sua falsa percepção de uma superioridade ilusória …”. É, a meu ver, uma contradição. Calma. O que gostaria mesmo é de afirmar que, quanto à sua afirmação de que ” que ‘time pequeno não sobis’, insisto, ele não ostenta um avião. Se ele tivesse um avião particular “Sobia”. Pergunto, não é um desafio é curiosidade mesmo, Fábio tem um avião? Não?
O pessoal do Clube Atlético Mineiro gosta de ostentar. Quanta soberba. E o Menin? Tem um avião 20 vezes mais caro. Nuuuuuuu, soberbos!

Jorge

Parou de ler na hora certa. Para quê ser confrontado com argumentos irrespondíveis, não é mesmo?

Quanto aos aviões de Hulk e de Menin, você já viu algum dos dois contando vantagem de tê-los? Ou algum Atleticano achando isso alguma vantagem?

Agora, por favor, me explica o porquê da sua inveja explícita e insistente de duas pessoas bem sucedidas, que não fazem questão nenhuma de ostentar o que possuem.

Será que você gostaria que o Fábio tivesse um avião para vocês bbruzeirenses ficarem cheios de vaidade? Que feio!!!

Jack

Esse Jorge é uma piada! Cara, vc precisa urgente de aulas de redação. A gente até tem boa vontade mas fica difícil mesmo. Vc se ocupa a comentar os assuntos do Maior de Minas, poderia ao menos aprender redigir ao invés de apenas destilar o seu veneno, seis bom pra todos. Em tempo: li hoje uma matéria comemorativa informando que vcs estão disputando a sua quinta semifinal da copa do Brasil heim? Parabéns.

Jorge

Isso mesmo! Finja que não entendeu nada (mas responder já é sinal que sentiu…kkkkk). E continue do mesmo jeito. É garantia de continuidade. TriNaB vai ser pouco. Vocês merecem muito mais!

Gustavo

Mas é melhor ter um avião do que heliPÓptero, não é mesmo??

Marcio

Que bobagem isso:E a arrogância e vaidade sempre cobram um preço muito alto. Assim, o ‘incaível’ se tornou ‘insubível’ e descobriram que ‘time pequeno não sobis’. Trouxa.

Jack

Arranja outra que essa aí tá velha franga. O Cruzeirão vai estar de volta porque nós nunca o abandonaremos. Bicampeonato nada né? Será que esse ano vai? Depois de mais de 100 anos e mais de 1 Bi de dívidas? Ops! Vcs tem Um Bi, desculpa aí. My bad. Kkkkkkkk

marcos nascimento

Kkkkkkkkkkkkk. Fica com raivinha, não. Porque Bi mesmo é o tempo que vc está completando na série B deste ano. Preocupa com nós não que nós vai bem, fi. Preocupa aí pra não cair. Senão é mais 3 anos (tri) de tríplice coroa também na C, Çabe. Mas são arrogância. Quando que vão criar humildade, meu Deus, quando? Meninas atrevidas

Jorge

– Galvão?!

– Fala, Tino!

– Sentiu…

kkkkkkkkkkkkkkk

Jamicel

Bom dia, nobre Dalai!

A simbiose citada por mim, anteriormente, continua, pois a torcida compreendeu a justiça na paralisação dos jogadores que, acertadamente, defenderam também os funcionários com vencimentos menores, proporcionalmente mais afetados.

Estaremos com o Cruzeiro, sempre!

Rodrigo

Parei de ler o blog, pois se tornou um espaço de resposta a comentários de emplumados cacarejantes.

Gustavo

Mas quem dá audiência e cliques aqui?? Até o Samuel Rosa se mudou de BH. Todo mundo é GALO!!!

Rodrigo Valu

É o que dá audiência a ele. Por isso essa adaptação.

Jorge

kkkkk. É isso mesmo. Vamos invadir sua praia!!!! Ou melhor, já invadimos!!!

Já pensou como esse quintal seria um deserto se os torcedores do Galão Mais Querido do Mundo não viesse aqui para zoar? kkkkkkkkk

Marcio

Parece convulcionado! Hospitalizar.

Augusto

Kkkkkkkk ..Favor só voltar a frequentar esse espaço quando o incaível subir em 2051.
E boa SEGUNDA

Jack

Normal Rodrigo. O assunto que dá ibope é o Cruzeirão. Repare que as frangas adoram vir aqui com previsões, análises e estudos sobre o Cruzeirão. Acho que deviam contrata-las como consultoria, tamanho o interesse. Só não entendo que, apesar disso se negam a reconhecer o Maior de Minas. Apelam pro “Arrogância, arrogância, arrogância…”. Kkkkkkk

Rodrigo

Bom que eu falei “emplumado cacarejante” e a carapuça serviu pra torcida do time sem bi. Kkkkk
São muito frustrados, têm que torcer contra o Cruzeiro porque a favor do 6a1inho é difícil demais!

Jorge

De onde se conclui que ‘é fácil demais torcer contra o Bbruzeiro’. Verdade! Obrigado pelo reconhecimento.

Tem dois anos (indo para o terceiro) que a coisa mais molezinha do mundo é esperar para rir dos tropeços do Bbruzeiro. Piada pronta. Vexame garantido.

Jack

E o “poderoso galin” eliminado em casa de novo pelo Parmera heim! Có Có ri Có! A culpa foi do juiz! Foi do Var! Foi da trave que não deixou ser gol do Hulk. Anra essa porta Var, vcs estão acabando com o galin. Affff, vou reclamar na CBF, magoei. Kkkkkkkk. Turma de frustrado e iludido. Minha teoria é de que esses caras passaram a vida inteira sendo humilhados e estão externando. Torcer pro Galin? NaaHhhh, vou torcer contra quem me humilhou a vida inteira. Bando de frangas lkkkkk

Jorge

Ah, você quer zoar porque o Galo foi desclassificado da Libertadores na semi-final, invicto, por critério de desempate do regulamento?

Ok, então vou zoar vocês também por terem sido desclassificados pelo… pelo… pelo… Espera aí, quem foi mesmo que desclassificou o Bbruzeiro na Libertadores?

Ah, esqueci que a Libertadores não pertence mais aos Bbruzeirenses. Nunca mais! Que hoje seus adversários são o CSA, CRB, Bolívia Querida, Operário de Ponta Grossa… Então tá zoando o que, Maria?

Rodrigo

Não, eu vou zoar por que seu time de 400 milhões não conseguiu ganhar do Cruzeiro na série B, um dos piores de todos os tempos e nem assim conseguiram ganhar! Kkkkkkk

Jorge

Meu caro, para ganhar do Bbruzeiro na serie B, a gente precisava estar disputando essa série. Como a SEGUNDONA, nas palavras dos próprios bbruzeirenses, é para time pequeno, a gente terceirizou para o CSA, CRB, Operário e tantos outros surrarem o Bbruzeiro e fazê-lo virar a chacota que todos estão acompanhando e morrendo de rir.

Ah, mas você tá falando daquele joguinho do mineiro? Que título foi aquele do Bbruzeiro, não? Ganhar um jogo que não valia nada do Galão! Estão comemorando até hoje….. kkkkkkkkkkkk

Pois é, e nem com a nossa ajuda, vocês tiveram a competência de ir para a final para levar a surra que nós preparamos para vocês.
Isso foi incompetência ou sensatez? Porque para passar vergonha, basta a SEGUNDONA, não é mesmo? Para quê passar vergonha no mineiro também, né? Tem simpatizante bbruzeirense que nem quer disputar o mineiro só para evitar o vexame. Tá certo. É muita vergonha para quem é tão
vaidoso.

jose fernando durães saraiva

Muito triste. É blá,bla,bla e nada de aparecer uma atitude com os pés no chão. Nestes dois anos alem de “pichar”os jogadores, principalmente os mais jovens, não vejo uma sugestão de valor. Somente demitir o Presidente. Então porquê não demitem logo? Fica parecendo obvio que tá todo mundo na mesma carroça. Saí de BH em 1982 transferido para uma posição aqui no Rio. Não deixei de acompanhar um dia sequer o noticiário do Cruzeiro. Nem quando os meios de comunicação era um radinho.de cabeceira. TV ? Só muitos anos depois. Isto tudo é o retrato de como vejo a atual situação do Clube. O Presidente vai ficar? Não é claro que o Presidente e as principais figuras dos Conselhos deverão ser mandados embora ? É muito triste. Quanto mais de longe o sofrimento é pior.

Teobaldo

Prezado, ao que parece a sua estadia no Rio de Janeiro há quase 40 anos o fez esquecer que as leis do país, por mais frágeis que pareçam, devem ser seguidas e, principalmente, obedecidas. Como assim “demitir o presidente”? O nosso presidente (Presidentão da Massa) foi democraticamente eleito, numa eleição limpa comandada por um Conselho Deliberativo formado por pessoas da mais alta estirpe (probos, idôneos, honestos e leivados da mais alta pureza de espírito que nunca se aproveitaram da instituição), dos quais um dos expoentes máximos é o representante deste blog (só representante, pois os donos somos nós, os Atleticanos que formam a imensa maioria dos participantes). Com base no exposto solicito que sejam afastadas deste espaço essas ideias golpistas, anti-éticas e anti-democráticas permeadas pelo desrespeito às leis vigentes no país. Aproveito a oportunidade e lanço a campanha: SÉRGIO SANTOS RODRIGUES PARA PRESIDENTE ETERNO DO BBBRUZEIRO!

Junior Fernandes

O pior é que se o Cruzeiro não subir até você morrer não terá visto mais títulos do seu time patético do que do meu cabuloso, a graça do futebol é ganhar, serie a, b, c, participar é meia boca, graça mesmo é ser campeão, falo isso com conhecimento de causa, sou multicampeão, e vocês? Pode anotar aí, esse ano ainda só vai ficar com o mineiro mesmo.

Augusto

Sou multicampeão, já ganhei isso, já ganhei aquilo, já ganhei aquilo outro, bla,bla,bla,glub,glub,glub.
Mas……tá na B há dois anos e cantando aquela conhecida e velha canção carnavalesca “Daqui não saio, daqui ninguém me tira,daqui não saio, daqui ninguém me tira”

Manuel Panhame

Kkkkkkkkkk
Daqui não saio, daqui ninguém me tira… kkkkkkkkkkkkk

Jorge

“Sou multicampeão”.

kkkkkkkkkkkkkkkkkk

Você é série B, rapaz! Nunca se esqueça disso!

Jack

Caro José, como vc há outros milhões de torcedores com o mesmo sentimento. A impressão que passa é que a famigerada “Família União “ ainda dá as cartas no clube. Esses precisam ser extirpados de uma vez por todas para que o clube restaure ordem e credibilidade. Eu acho que não tem outro jeito.

Rodrigo Valu

Incrível como a pandemia afetou apenas o cruzeiro. Daí você observa que mesmo, na pandemia, o América e o Cuiabá Subiram e podem permanecer na Série A. Mas o cruzeiro não pôde subir, ele tem uma pandemia só dele.

Bernardo

Diferentemente do Cruzeiro, os boletos vencem.

Jorge

E a diretoria do Bbruzeiro fica EMPATANDO o pagamento…

Augusto

Kkkkkkk…muito boa

Bernardo

A greve acabou.
E o resultado da greve? Não poderia ter sido outro: EMPATE!!
Nem contra a Diretoria do próprio clube os jogadores do Cruzeiro ganharam alguma coisa.

Bernard Assis

Grande Dalai! A trinca Dilma, Pazuelo e Sérgio derrubaria qualquer organização em questão de dias. Permita-me acrescentar a excrescência denominada Itair Machado.

Augusto

Acrescente na sua lista o nosso presidente(?????) Boçalnaro, aquele que assumiu e tudo ficou caro.

Jack

Não se esqueça do Gilvan e dos conselheiros da Família União heim? Esse tbm nos deram grandes prejuízos.

GERALDO

Neste momento que a instituiçao CRUZEIRO ESPORTE CLUBE, corre risco real de desaparecer, todos nos cruzeirenses devemos nos procunciar. Janeiro de 2022 esta chegando e com ele as cobranças dos acordos feitos, como esses acodos nao serao cumpridos, ou fazemos novo acordos ou vamos a FALENCIA. nAO PODEMOS NEM DEVEMOS PERDER MAIS TEMPO, com D Maria, a louca na presidencia, devemos mandar essa figura exdruxula , voltar de vez para Portugal, esse filhote de Zeze Perrela. Fora com esses bandidos, fora com esses tristes figuras, que nos infelicitam, fora com o escroto Dr. Gilvan, fora com todos esses proxenetas, que vivem do Cruzeiro. Esses empresarios que junto com o PL, botarem mais dinheiro, para D Maria a presidente louca gastar, so vai adiar a situaçao e piorar as coisas para o Clube. O Cruzeiro precisa de uma soluçao definitiva, paliativo e morte lenta.; Nunca dependemos tanto dos jogadores, como dependemos agora, nao so dentro de campo, mas como homes e cidadaos, tambem. façam um GREVE TODA SEMANA. na terceira a soluçao vai aparecer e nao pode ser outra que a renuncia dessa bandida louca, sua diretoria e conselheiros, ja nao cabe mais outra soluçao. Esses proxenetas nao gostam do cruzeiro, quem gosta e a torcida, portanto nos devemos tomar as decisoes, se e que queremos continuar existindo. Mafia Azul e afins, voces ja erraram demais. Ainda tem tempo de voltasr atraz e fazer a coisa certa, so volto a ser socio
torcedor, o nome certo e apenas socio e nao socio torcedor, quando tivermos direito a voz e voto., nos torcedores comuns e nos torcedores , que podem ajudar de forma mais direta, nao e Pedro Lourenço e parceiros. FICA O ASPELO. RESPEITEM A MEMORIA DE fELICIO bRANDI E OUTROS.

Teobaldo

“Neste momento que a instituição CRUZEIRO ESPORTE CLUBE, corre risco real de desaparecer….”

Deus é bom, mas não acho que eu mereça tanta alegria…

Augusto

Ķķkkkkkkkkkkkkkkk nem eu!

Marcio

Convulsao. Deve buscar um especialista.

GRALDO

lamentavel, nao e mineiro.

Jack

Falou e disse meu amigo, somente a torcida pode salvar o Cruzeirão agora. Essa diretoria já provou sua incompetência/má fé. Eu sou sócio torcedor e pago em dia e exorto a todos que tenham condições financeiras a fazer o mesmo mas temos que exigir participação nas decisões do clube. Já foi ventilada tempos atrás a criação de categorias de sócios com direito a voto. O que seria uma alteração/expansão do estatuto.

Itamar

Ela não vai não. KKKK. Só vai na boa.

Itamar

“a instituição CRUZEIRO ESPORTE CLUBE, corre risco real de desaparecer”.
Será que demora? Porque já tô ficando muito ansioso. Doido para fazer uma festa.

Jack

É o sonho de toda franga né? Festa no galinheiro. Se esqueceu de combinar com o raposão. Qto à torcida, se apeteça não. Sempre estaremos lá pelo Maior de Minas.

Bernard Assis

Dalai, fala pra nós sobre a questão do Fred e a multa pelo contrário de 2017. O cruzeiro corre risco de ter de pagar o Atlético?

Cassio

Acredito que o Cruzeiro talvez tenha de pagar ao Fred, pois ao Galo quem deve é o Fred. Li em algum lugar que o Cruzeiro deu cotas de TV como garantia ao Fred. Masss, escrevo apenas no ‘ouvi falar’…hauahua

GERALDO

mE EXPLIQUEM COMO UM CLUBE QUE NO ANO DE 2020 FATUROU +_ 120 MILHOES, NAO CONSEGUE PAGA UMA FOLHA DE PAGAMENTO DE APROX 40 MILHOES POR ANO, DEVE SER A TALADMINISTREAÇAO MOODERNA DE D MARIA A LOUCA. VOLTA PARA PORTUGAL, TE PRESENTEIO COM UM POTE DE GOMALINA PARA OS CABELOS E UMA CAIXA DE ESTOJO DE MAQUIAGEM PARA O ROSTO., VAI MENINA.

Itamar

O problema é que pagou um monte de coisa lá na Fifa. Devia ter deixado tudo sem pagar. Dinheiro jogado fora.

Augusto

Boa SEGUNDA, Dalai…e lembre-se sempre : time grande não cai

Pedro

Achei engraçado. Invés de desconstruir o apresentado com argumentos, usa de deboche para tentar desqualificar. Mas eu, sinceramente, entendo. Como conselheiro, os senhor deixou as contas pavorosas do clube passar direto… deve ser pq não entende os números, mesmo. Assim fica difícil rebater argumentos quando não se sabe somar. Que fiquem agora, na esperança de o ditador árabe comprar o clube pra fazer sportwashing!

Dudu

O cara ter a oportunidade diferente de poder) de escrever o que quer e responder o quer, é fácil demais….se fosse tão bom assim na gestão, como é para escrever, estaria até hoje na diretoria, não Sr. Dalai “Lama”?

Manuel Panhame

A História das Minas Gerais que neste blog eu conto aos Atleticanos para nosso compartilhado deleite e aos cruzeirenses com o intuito de os tornar, se isto for humanamente possível, menos prepotentes e por conseguinte cônscios da verdadeira estatura de seu clube dentro do Estado onde por enquanto tem sede, sofreu alteração em seu curso cronológico, eu, masoquista, não conseguindo mais me conter em face da precisão de encarar logo o tenebroso calvário que o povo da máfia pensa e diz que nos impôs “com todo prazer”, ao longo de sessenta longos anos. Preciso lhes confessar, escangalhados coirmãos da máfia azul calcinha, que na crônica de hoje eu tenciono de novo alterar a ordem dos acontecimentos, e que isto será feito da minha parte igualmente “com todo prazer”. Imaginar a cara de vocês, azulinos, eu por pura maldade lhes fazendo empreender a viagem que lhes proponho, num tempo nublado como este que vivenciam nos dias de hoje os que congregam pelas bandas do Barro Preto, não tem preço, não pode ser comprado pelo Benecy! … Mas eu de antemão preciso ser louvado por vcs, mafiosos: fiz esforço pessoal para lhes servir antecipadamente essa iguaria… Escolhi saltar do trem da História num ponto em que estava para se iniciar deliciosa década, glorioso período, e me reintegrar ao comboio anos mais tarde, bem ao final dela, ao tempo em que um certo rapaz costumava soltar foguetes nos momentos em que seu time do coração marcava um gol. A impaciência é um de meus muitos defeitos. Poderia em pouco tempo de natural caminhada chegar a esse rapaz que àqueles tempos ainda não tinha trinta anos, ele parte integrante da História destas Minas Gerais de Aleijadinho e Campos de Carvalho. Mas eu, Manuel Panhame, não conseguindo mais esperar, precisei escrever sobre esse imigrante inadiavelmente hoje, nesta semana, o delicado período que o cruzeirense vivencia me tendo forçosamente conduzido à lembrança dele, rapaz fogueteiro… Vocês, sérios postulantes ao Tri na B, quero que experimentem falta de apetite hoje, obrigados por mim numa segunda (desculpem, não foi trocadilho), início terrível de semana terrível de greve imprevisível, terrível, a se lembrarem desse rapaz festeiro e bem apessoado, inevitavelmente tendo de compará-lo a um outro rapaz, este segundo dos tempos atuais, vaidoso, gel no cabelo…
O nome daquele primeiro rapaz era Felício, ele tendo nascido na Itália, seus pais chegando aqui ele ainda um bebê de colo. Quando fez trinta anos, ganhou de presente de aniversário a presidência de seu clube do coração. Clube que até então o tinha feito sofrer muito, desde o distante ano de 1945 sem conquistar um único título, quatorze anos portanto de doída abstinência… Felício era um homem especial, ele sempre tendo sido alimentado pela convicção de que o Amor é uma moeda de troca imbatível: ao clube que o fez tanto sofrer ao longo de sua infância, adolescência e juventude, ele se prometia dedicar um tal amor que o tornasse grande o suficiente para retribuir a ele, Felício, e a seus correligionários, a alegria que durante muito tempo lhes tinha sido negada… De saída montou um time especial e competitivo, sendo tricampeões, Felício buscando no Rio uma antiga cria do Barro Preto, eu me referindo ao excelente Rossi, meio campista que comandou a equipe ao que me parece em 59, 60 e 61…
Em 1963, o Galo, de novo BICAMpeão, tendo recuperado a hegemonia no Estado, Felício Brandi, que ainda seria derrotado no ano seguinte pelo Siderúrgica, tinha olhos sintonizados no futuro grande estádio em plena construção, dois acontecimentos da época fornecendo ideia aproximada do quão dedicado ele foi às coisas de seu clube. E quão esperto ele era, ele foi… Havia um adolescente pelas bandas do IAPI que a todos encantava por sua habilidade com a bola nos pés. Jogando entre marmanjos, o garoto, de família americana, tinha sido sondado pelo América, prometido a ele, Micróbio Verde, talvez já se fazendo atleta dos aspirantes do Coelhinho pompom. Felício Brandi se determinou a trazer aquele menino, na época com 15/16 anos para vir jogar no Cruzeiro. O jovem atleta não se mostrava interessado: idealista como quase todos de sua idade, tencionava fazer carreira no clube de sua gente. Pois bem, experimentando dificuldade com aquele mocinho teimoso, num dia especial de sua vida, Felício resolveu dar uma cartada definitiva na contratação daquela promessa: chegou sem ser aguardado na casa do garoto e pôs-se a conversar com ele e seus pais a respeito da sonhada transferência dele, Eduardo, para o time do estádio JK. Mas o menino Eduardo Gonçalves de Andrade também era duro na queda, definitivamente não se entusiasmava. Felício Brandi não se deu por vencido, argumentando, contra argumentando… Estavam já entrados em horas quando alguém veio chamar o dirigente, a noiva há muito esperando para as formalidades… Quando a gente da casa compreendeu que aquele homem tinha vindo ali no dia de seu próprio casamento, comprometendo os horários das cerimônias, se renderam, pais e filho… O outro episódio da época foi registrado no Mineirão, dirigentes do Atlético e do Cruzeiro vistoriando as estruturas, o campo formatado já trazendo os túneis onde ficariam as equipes, definitivamente talvez, assim se pensava, assim se propunha… Felício, de olho no túnel que fazia vizinhança à área do bandeirinha à direita das cabines, levou o pessoal do Atlético a olhar sempre para cima… Apontando para as arquibancadas, ele levava os companheiros adversários a refletir com ele: “Fico imaginando tudo pronto, essa imensidão lotada de gente, a maioria vcs, evidentemente… Vão preencher aquele anel (e apontava com o braço, fazendo curva), desde aqui atrás até bem mais pra cá do meio de campo… Minha torcida vai ficar daquele final da parte de lá e se contentar, claro, com esta região de trás deste gol onde estamos…” O pessoal do Atlético, encantado diante daquele reconhecimento da evidente superioridade da Torcida Alvinegra, se mantinha, como Felício queria, olhando sempre para cima: “Sim, sim. Nossa torcida vai ocupar tudo isso. A maior parte do estádio, sem qualquer dúvida… Vai sobrar muito pouco espaço pros adversários!” Felício, uma vez mais concordando, faz os demais continuarem olhando sempre para cima e o outro lado… “Sugiro então que a gente fique com este túnel perto da nossa pequena torcida… Que acham, amigos? Vcs que terão aquela imensidão disponível pra povaréu que é o seu, penso que poderiam sem problema ficar com o outro túnel, debaixo e de frente pra gente de preto e branco… Que acham?” Todos concordaram com a razoável proposta do coirmão…
E nós tivemos que suportar anos e anos de imposição azul sobre o bandeirinha daquele lado, o que levou Elias Kalil, tempos e tempos mais tarde a tentar danificar o Mineirão… Mas esta é outra história para um outro dia. Por enquanto é só. Se for possível a gente continua. Mas está garantida, pelo menos por hoje, a falta de apetite que a tristeza provoca. Sexta-feira tem mais série B.

romulo

Eu não teria tanta certeza de que já se chegou ao fundo do poço…

romulo

Sugestão do Dalai: sigamos o líder!!!
Vamos chamar uns 3 ou 4 empresários e fazer um conselho pra auxiliar o presidente nos rumos do clube como está fazendo o Galo!!

Alvaro Benicio de Paiva Neto

Grande Dalai!! tudo de bom meu colega e a muito que venho aqui apenas ler e agora acho que ja é a hora de contribuir. Tenho alguns amigos cacarejantes, como dizia meu amigo Neuber, e mesmo o c.a.mineiro estando na liderança com folga, sabem de tudo o que acontece na Toca. Não esquecem o Cruzeiro de jeito nenhum!! Em hora nenhuma!! Isso é medo??…De quando reerguemos, tudo será como antes, Tetra, Hexa… e uma coisa que me intriga é o gosto de torcer contra tudo e todos, mesmo quando tem um time competitivo, não deixam de se preocuparem com o único Gigante de Minas! Ow dor de cotovelo incurável!! Abraços celestes!!

Augusto

Kkkkkkkkkkkkkkk
Boa piada!
E lembre-se sempre : time pequeno não SOBIS!

Jack

Meu caro Sr Dalai. Obrigado por esclarecer a minha dúvida mas permita-me discordar de um ponto em sua resposta: eu acho que ainda não chegamos ao fundo do poço. Explico. Ano que vem chegarão novas faturas a serem pagas. A julgar pelo montante de aporte financeiro recebido e somadas as dívidas já existentes, prevejo uma situação ainda pior. Como o Sr disse, precisamos de uma solução. Solução esta que a presidência parece não ser capaz de encontrar. Um exemplo é o fato de montar por dois anos consecutivos o time com a maior folha de pagamento e não figurar uma mísera rodada na zona de acesso. E estamos falando da série B. Noticiários informam que o presidente se reunirá com empresários hoje afim de tratarem sobre empréstimos para saldar os salários em atraso. Mas, além disso, será que o presidente vai fazer ou está fazendo alguma coisa pra superar os ditos problemas futuros? Será que vai deixar como está pra ver como é que fica? A torcida está se mobilizando mas precisamos tbm da mobilização de quem tem influência dentro do clube pra forçar um “momentum” em direção à recuperação mais rápida possível do clube.

Bernardo

Concordo.
Parece que o fundo desse poço tem um calabouço.

Itamar

E é pra lá que vai cair o BBBuloso.

Jack

Acho que vcs já conhecem esse lugar heim? Já estiveram lá? Porque não lembro de vcs no clube dos multicampeoes, nacionais ou internacionais.

Luiz Henrique Viegas Costa

Fundo do Poço ocorrerá quando iniciarem as execuções pela justiça do trabalho.

Itamar

Nunca o janeiro demorou tanto. Muito ansioso pelo início delas. Por isso estão tentando se desfazer de patrimônio. Porque não sobrará nada. O patrimônio total do clube em imóveis tá avaliado em 275 milhões. Não dá para pagar a multa com a DIS, referente à não venda do Dedé.

Rei Melo

Dalai. se tem uma coisa que quero é que o time seja pelo menos competitivo. O time..
Essa rapinagem que infesta o clube , além de envergonhar o mais simples cruzeirense é motivo de ódio DA MAIORIA.
Infelizmente teremos que conviver com esse tal presidente sem caráter e vergonha e sua trupe de puxa saco chamada família União. e ainda tem os passa fome…
É de desanimar demais.
E para piorar ainda tem essa manada de baba com contrato longo que ninguém quer.
Ou começam tirando os ratos, o que é difícil, e ai tentar ficar livres das apostas ou seja 89% dos contratados nos últimos dois anos, que somente serviram para dar prejuízo e assim tentar recomeçar do zero.
Visto que:
– já começamos um ano com -6ptos e Ederson de técnico ….olha que merda.
– Ai veio o Boi Babão e David…. e 456 contratados inúteis e para fechar com chave de ouro Mozart (A aposta! ) ate parece filme. Que no caso foi de terror classe B.
E agora vem o show da maria loka.. de Portugal para o mundo.. O cara foi dar palestra de administração kkkkkk.. Está de sacanagem,, quem vai escutar essa coisa? So português mesmo …
Melhor deixar para lá….. ja deu…
Esqueci kkkk ainda tem o Sasá!! as pampas na noitada em BH !!!
E o dalai querendo ele de reforço kkkk so se for para agitar a noitada de BHZ
Eita Cruzeiro e sua cambada de gente ruim de serviço.

marcos nascimento

Oia, eu não tenho nada a ver com isso. Mas eu acho que vai cai!!! Se credita? Zêro já zerô. Vendeu a toca do Lourdes, intao zerô. Pq só tem a casa agora, e a constituição diz que a casa é asilo invialavel do sujeito, nela não pudendo entrar e nem vender, salvo em fragrante delito ou sob mandato judicial, ué. Vixi, tem mandato judicial, lascou. Vai perde até a casa.

Bruno Araújo de Carvalho

De fato chegamos no Fundo do Poço Dr. Dalai ! A agonia toma conta a cada dia que passa com reuniões sem acordo anunciado e com o passar dos dias, conseguimos cavar ainda mais esse buraco que parece sem fundo. Torço para que em campo os comandados do Luxa continuem a buscar a pontuação mínima necessária para sairmos deste fantasma do rebaixamento. e para completar … ” Que os Deuses Árabes nos escutem nas profundezas” !

Manuel Panhame

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Marcio

Fora de si! Convulsao! Hospitalizacao. Recuperacao dificil.

Itamar

Tiago Neves na escuta, Câmbio…

Murilo Andrade Marçal

Dalai, eu como sou cruzeirense posso dar uma sugestão, vamos encerrar as atividades, este clube está dominado por bando e já tem muito tempo.

Manuel Panhame

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Manuel Panhame

Estou rindo de bobo que sou… Se acaba this sheet as told our great philosopher Riascos, de quem a gente vai rir? … Heim, Biônico?

Augusto

Apoiado! Tá passando da hora de fechar o caixão e enterrar esse defunto!
Na lápide estará escrito : Aqui jaz o Ipiranga,digo,Yale,digo,Palestra,digo,Bruzeiro,digo Kbuloso,que já foi campeão disso,daquilo, que tinha 9 milhões(????) de torcedores, que ficou devendo até as cuecas,que glub,glub,glub,glub,afundou no mar da soberba,arrogância e…..que foi desta para melhor

Jorge

Toda vez que escuto isso, penso no cara do pó. Pode encerrar as atividades, não!

Márcio

Prof Dalai, a cada vez que leio sua coluna aprendo. A cada vez que leio os comentários … Minha Nossa! Tenho a impressão que o Sr demonstrou certo cansaço nas respostas aos comentários. Tipo assim: quanta bobagem! Será mesmo que o Sr precisa de clicks? Duvido. Pessoas da sua estatura não pensam em clicks. Ao diabo os clicks.

Prof Dalai, Shiiiiii, silêncio, psit, fala nada não. O Jornal falou que Cruzeiro chegou a 8 finais da Copa do Brasil e venceu 6 vezes. Shhhhhhhiiiii, fala nada não ou seremos taxados de “sabe-se lá o que”. O Jornal imprimiu que temos 27% da torcida e que, depois de nós vem o Flamengo. Shiiiiii, silêncio, fala nada não. Psiu! Ou, caso contrário, vão falar que soberbos e arrogantes.

Por outro lado, por uma questão de sangue, paixão, amor, vigor: ZEIROOOOOOOOOOO, ZEIROOOOOOOOO, estamos e estaremos aqui sempre, ZEIROOOOOOOOOOOOOO, no que depender de nós. Lutaremos ZEIROOOOOOOOOOOO.

Mudando de pão para João. Estou cansado deste presidente e suas improvisações. É o caso do advogado administrador, ou do médico administrador ou do engenheiro administrador (à propósito, não sou administrador portanto não estou em causa própria aqui) pensa que administrar é amadorismo. Pergunte a ele se ele sabe o que é Custo de Oportunidade. Ou seja, se falhar o tal SAF, seu m****, o que teremos? Você não tem o direito de ignorar, ou melhor, abusar da sua ignorância do Custo de Oportunidade, no mínimo

Temos outras linhas de pensamento? Quais são as relações meios-fins desejados projetados? É racional-econômico (optimal) ou comportamental (“satisfacing”)? Aceitamos o modelo incremental deste que nos conduza ao estado final desejado. ZEIROOOOOOOO, cerque-se administradores profissionais seu “esquisito”.

ivan junior

“Deixa comigo!!!”
Joao Doido com seu famoso Bordao Botando para queBrar no toBa velho do dalai lama nas marias

“Com que autoridade este Cara de Bunda acha que pode escrever merdas nesta coluneca sem eira e sem Beira!!”
João Doido amarrando sua “carça com zimBira de Bananeira” para se encontrar com o editor chefe do uai para que este dê um pé na Bunda do Cara de Bunda

“Meu senhor! Respeite as mi…”
Cara de Bunda tentando argumentar com Joao Doido e tomando um contra vapor nas ventas

“Pedrada!!! Enfie este amontoado de merda na primeira latrina que voce encontrar!!”
Joao Doido dando ordem simples para seu inseparavel capanga

“Não…espere aí….!!!”
Cara de Bunda segundos antes de ser defenestrado por Pedrada

“A partir de agora este espaço passará a se chamar Varanda do Doido”
Joao Doido acaBando com a coluneca do Cara de Bunda e se preparando para “escrevinhar” sua primeira opinião

“Esse é macho!!”
Aldemar Vigário apoioando as ações de Joao Doido

Marcilio Vaz

Ora, pra Dalai que fundo do poço que nada, Cruzeiro Cabuloso não tá na pior nada, afinal time grande não cai. Pensa comigo Dalai são 9 milhões nessa grandiosa china azul, incrivelmente o presida do gel pede 9 milhões para acertar salários, então se cada um dos engajados da china azul fizerem agora um CruPix de um Real o problema tá resolvido,ora mas o que um real? Imagina se essa engajada e gigante torcida fizer o CruPix de 10 reais aí já é a salvação 90 milhões na conta. Preocupar com a situação para que, nem Deus derruba esse time e se dereubar ficarão lá somente um ano, pois é o grandioso gigantesco time do Cruzeiro! A mas se ficar mais de um ano sem problema pois o grandioso já ganhou tanto título que nem faz diferença, a final são oito finais de copa do Brasil e seis títulos né isso? Nem importa o que perdeu pro microrival cavalo…. Dalai quarta-feira tem mais… Afinal se o cabuloso não ganhar do CSA pelo amor de Deus né!

romulo

É sério q eu li q o micróbio azul arrecadou no primeiro semestre de 2020, somando tudo, 74 milhões e conseguiu, no msm período, ter um prejuízo de 69 milhões? Tipo, praticamente gastou o dobro do q arrecadou? Se for isso, só posso dizer q a gestão do kiko com gel está sendo perfeita; está trilhando o caminho q levará o time azul pro destino q sempre mereceu!!!

Galo Doido New York

Nos últimos dois jogos do Galo, segundo os comentaristas de arbitragem e também a imprensa carioca e paulista, houve cinco penalidades a favor do Galo sem terem sido marcadas pelos árbitros. O VAR corrigiu dois deles.

Os urubus também tiveram problemas com os sopradores de apito. Queriam punir o Galo por lutar por uma arbitragem melhor. Descobriram da pior maneira que pau que bate em Chico, também bate em Francisco.

Se não for o Benecy com suas intervenções não tão brancas, a arbitragem brasileira precisa de uma reciclagem urgente.

Já o falidão do Barro Preto, precisa urgentemente de mais intervenções brancas. Candidatos entrem em contato com o presidente SSR.

Dalai, você é um piadista nato. Time grande? O Cruzeiro? KKKKKKKKKKKKKKK. Só se for em dívidas, calotes, etc. Por falar em comemorar títulos como vocês vão comemorar o tricampeonato na série B? Se não segurarem bem o ano que vem o Cruzeiro vai é para a série C. Isto é, se não acabar antes. Seu time está igualzinho ao canivete que você citou. Não tem cabo e nem lâmina. Não sobrou sequer a bainha dele.

Marcilio Vaz

Saulo vc acabou de dar otime ideia para o marketing do BBruzeiro, já que gostam de comemorar tudo podem fazer uma camisa Tri na B, oi time pequeno não Sobis, garo que vai ser um sucesso em vendas. Fica a dica aí Dalai!

Mauro Timo

O poço é beeemmm mais fundo…

Jack

Caro Sr Dalai. Em tempo: Gostaria de externar nossos sentimentos (meu e de toda a nossa galera de Contagem, do instragram, Facebook e Twitter que me pediram Pra mencionar) pelo falecimento do Sr NEUBER SOARES. Pessoa muito querida arm Minas Gerais pela sua passagem pela Bancada Democrática. Peço a Deus que a família tenha conforto e supere essa perdainestimável.

Joao de Deus Filho

Meu caro Dalai.
Vc é um sujeito sensato e culto.
Porém, talvez prá não desesperar a torcida azul, ou sei lá qual motivo, não toca na ferida de maneira honesta.
Quando vc coloca um título de No fundo do poço na sua coluna, eu creio que vc não está sendo 100% verdadeiro.
Nós sabemos que a situação está feia, porém, todos nós sabemos que vai ficar muito pior ano que vem.
Saiu matéria hoje que o prejuízo nesse ano vai superar os 100 milhões.
Ano que vem tem a questão dos acordos feitos e que não serão honrados.
Isso irá gerar um acréscimo grande nos próprios.
E a dívida que todos sabemos que é maquiada, irá explodir.
Eu estou aguardando ansioso pelo ano de 2022.
Vai ser um ano de muitas definições.
Nào vou comentar mais nada. Vamos apenas aguardar, afinal 2022 tá chegando.
Só prá lembrar: o Galo tá correndo atrás de 23 milhões (valor atualizado) de uma dívida do Fred.
E adivinha atrás de quem ele vai correr prá pagar essa dívida?
Anota mais essa aí, no caderninho.
Grande abraço.

*Ah! Eu sei que vcs tem 4 Brasileiros, 6 Copas do Brasil, 2 Libertadores e sei lá mais o que.
Vamos ver o que isso vai ajudar.

marcos nascimento

Kkkkkk. Tem título roubado pra que tbm? Não tem um tostão furado no bolso. O galo que em muito dos campeonatos que participou, tem sempre uma ave de rapina da CBF para surrupiar seus esforços. Coisa que não acontece com a maioria dos times do Brasil, inclusive, cruzeiro. Mas é devagar e sempre. Melhor pouco troféus bem administrado do que muitos e quebrados esportes clubes, diga se de passagem. Devagar e com as próprias forças é claro. Por que se o galo tem alguma coisa foi conquistado na raça, não em luzes apagadas do independência como vc supostamente colocou em seu comentário. Ou agora quer abafar os seus cruzeirenses tristes fins através de palavras sem fundamentos. Claro, o choro é livre, mariada. Mas vamos ser coerentes, né, mariada. Sei que vocês estão sofrendo. Mas fomos ao inferno e vencemos. Se o capetao Marrou seus pés lá, o problema não é de nós atleticanos. Afinal, quem tem nos seus meios o termo “máfia” que dá entender “ladrões”, não somos nós atleticanos. Então mais respeitos a nós que vencemos vocês cruzeirinho com os pés nas costas a copa do Brasil, título importante, lembra. Kkkkkkkkkkkkk, 3 anos depois e:
Ah, que isso respeita o moço (galooooooooooooooo), primeira divisão (A), líder isolado, futuro campeão e bigode grosso. Comenta essa recalcadas. Cruzeiro sem verbas esporte clube. Cuidados que os sheiks compra vcs.
Falidos é claro, em um leilão qualquer, por um preço simbólico de R$ 1 como aconteceu com o canal machete, lembra!?
Mas escreve aí, “vc nem sabe”.