FAKE DE TSUNAMI

  • por em 13 de abril de 2021

Bruno Haddad/Cruzeiro/Flickr

Na semana que antecedeu o clássico, condôminos atleticanos deste QUINTAL organizaram um Gabinete do Pânico atazanando a vida dos cruzeirenses. Confesso que fiquei apavorado com as previsões de goleada. Passei a me preparar para aceitar como “vitória” derrota de até dois gols de diferença. O medo maior era o de Cuca aproveitar a cerca fraca pra tirar espinho antigo da garganta: nos devolver os 6 x 1 que tomou em Sete Lagoas, em 2011. Este tsunami era o pior cenário para o domingo e, se viesse, já tinha encaminhado um pedido de “recesso emocional”. Não teria como escrever por uma semana.

Às 11 da manhã conseguimos enganar a ansiedade com o Flamengo e Palmeiras decidindo a Supercopa. Depois, foi só esperar. Anunciado o time, não gostei. Era o mesmo que começou contra o Coimbra e que só melhorou com as mudanças no segundo tempo.

Queimei a língua. Parecia outra equipe. Determinada. Nem reconheci os jogadores. Ganhando divididas. Acertando passes. Encarando de igual pra igual o time de 200 milhões de reais e que já havia nos goleado antes do jogo começar!

Por mais incrível que pareça, o nosso gol nasceu de uma pintura de entrosamento: Fabio repõe a bola com as mãos para Weverton, no lado direito da grande área. O jovem zagueiro faz lançamento longo, em diagonal, visando Airton do outro lado do campo e a bola sai. Guga bate o lateral e a bola sobra para Nacho Fernandes, de quem é roubada por Mateus Pereira que tabela com Sobis. De primeira, ele toca na frente para Airton. Golaço.

Este Cruzeiro que jogou contra o Atlético subiria para a Série A, ano passado.

BATE PAPO NO QUINTAL

1. JCSR, na manhã de domingo, corajoso, sem meias palavras, sem jogar conversa fora, postou seu palpite: Cruzeiro 1 x 0. Fantástico!

2. Galo Doido New York no meio da semana havia tomado o chá de Santo Daime e fez prognósticos altamente inflacionados para o jogo de domingo. Reclamei e ele se defendeu assim:

“Caro blogueiro, o chá que tomei foi o da razão… Qualquer placar menor que 7, será ZEBRA… O que já era ruim para o LPL (lado pobre da lagoa) ficou pior ainda sem o PEREBA menos ruim da zaga…”

No fim da tarde de domingo, consumado o desastre e em razão da solidariedade que une os conterrâneos do Alto São Francisco, acolhendo até mesmo os dorenses, telefonei a Mãe Dinah e imediatamente ela acalmou o nosso condômino, filosofando em grande estilo: “Tirando o trocador e o motorista, tudo é passageiro…”

3. Luiz Antônio Lopes Barcelos lembrou domingo de manhã, antes do clássico da tarde, de lamentável episódio na década de 70, envolvendo Toninho Cerezo. O Atlético tinha um excelente time, com Reinaldo, Eder e Luizinho, além do próprio Cerezo. Após ganhar por 1 x 0 o primeiro jogo da melhor de três que decidiria o campeonato mineiro, Cerezo aconselhou os cruzeirenses a esquecerem o futebol enquanto o Atlético tivesse aquele time. Eu mesmo ouvi essa declaração e nunca esqueci. Acho que os nossos jogadores também não, porque ganhamos o segundo jogo por 3 x 2, e o terceiro por 3 x1, com histórica atuação de Joãozinho e Revétria.

Meu caro Luiz Antônio, domingo último a roda girou e sem que nós mesmos esperássemos, acabamos assistindo a um “Vale a Pena ver de Novo”!

Sem dúvida, você teve uma bendita premonição.

4. Atleticano chato dando apoio a Manoel que não estaria recebendo o que lhe foi prometido…

Por favor amigo, ainda que Manoel tivesse razão, isto justificaria treinar a semana toda ocupando a zaga e, na véspera do clássico contra o Atlético, informar, com contrato em plena vigência, que não mais jogaria no Cruzeiro?

5. Manoelada-2. Curioso como a vida, de repente, nos surpreende com caminhos inimagináveis. Por decisão própria, em 24 horas, Manoel deixou de ser herói para tornar-se desertor.

6. Manoelada-3. Durante mais de 20 anos de magistério em todas as oportunidades que surgiam lembrava aos meus alunos o que sempre lembrei aos meus filhos: o nosso cotidiano é essencialmente descolorido, comum. Você não tem chance de mostrar verdadeiramente quem é. Levantamos, saímos, trabalhamos, voltamos, dormimos. Anos a fio. De repente, o acaso, as circunstâncias imprevistas, o inimaginável, nos desafiam a comprovarmos quem somos realmente.

Um homem ou um rato.

7. Imponderável F.C. Como até o porteiro do meu prédio sabe, tenho a honra de participar de mais de 40 grupos sociais cruzeirenses. Vários me perguntaram como eu poderia saber que o Imponderável entraria em campo domingo?

Eu não sabia. Pressentia.

A propósito: Marcinho saiu aos 20 minutos do segundo tempo. Nacho, que deu passe de “meio-gol” para Vargas, provocando sensacional defesa de Fabio, ficou o tempo todo. Quem foi mais útil ao seu time? A diferença de valor de mercado esteve em campo?

8. Atenção: está disponível, gratuitamente, assistência psicológica para quatro dos mais brilhantes condôminos deste QUINTAL e que sofreram domingo à tarde fundo abalo emocional: Galo Doido New York, Sem Paciência, João de Deus Filho e peppeu. Pelos sintomas revelados, o diagnóstico dos especialistas é “Choque por Reversão de Expectativa”. Tem cura, que começa por manter os pés no chão.

9. Cruzeiro já está em Natal, no Rio Grande do Norte, onde enfrentará o América, amanhã, às 21h30, pela segunda fase da Copa do Brasil. Agora, empate leva à decisão por pênaltis. Temos de repetir o mesmo futebol solidário e de entrega apresentado domingo.

10. AVISO À BANDIDAGEM: A extraordinária vitória do Cruzeiro sobre o Atlético é mérito da Comissão Técnica e jogadores. Não anistia as infrações cometidas, a manutenção dos aspones e nem fará tampar sol com peneira.

11. Marcelo, lúcio soares, Dalva Paz, Rei Melo e William enriquecem os comentários pós-jogo. Estamos sim, felizes como pinto no lixo, mas sem nos esquecermos de que foi apenas uma partida. Temos consciência de que o Atlético está, sim, superior ao Cruzeiro em vários itens. E que precisamos ainda melhorar bastante.

Mas que foi uma espetacular arrancada, isto foi!

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

All Comments

Subscribe
Notify of
guest
52 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Daniel Alves Guimara

Interessante Dalai,meu comentário nesse espaço totalmente democrático é publicado,já meus comentários no espaço de um Sr de barba Branca e cara de sofrido não é publicado,será que o blog dele não aceita críticas?Parabéns ao Maior de Minas,história e títulos não se compram!

Sem Paciência

Se compram, sim! Pergunte pro Bennecy e pro Mitair! KKKKK

peppeu

Comprar envolve transferir dinheiro em troca de algo… But money nós num have.

Beth Makennel Makennel

Frangas galoteiras maior devedora de empresários de jogadores e da FIFA. Sempre muita garganta e pouca verdades.

peppeu

A veia acordou on fire hoje. Eu me recuso a discutir calote com Bruzeirense.

Beth Makennel Makennel

Kkkkkkkkk
Franga tremeu!
Conversa muitooooooo

Sem Paciência

Calma, Bete, a feia e louca! KKKK
Nunca tremeremos! KKK
Aproveita a melhorinha que daqui a pouco ela passa….. KKKKKKKK

PAULO FIALHO

O Papai Noel do Paraguai também não aceita meus posts. É um completo idiota que só aceira elogios e posts a favor do seu time. Vai passar muita raiva esse ano ainda.

JCSR

Manda tudo pra lixeira. Não aceita nenhuma crítica por mais civilizada que seja. Típico da imprensa cacarejante.

Juliano Damien

Dalai, vivemos época em que, pra mim, não há mais “zebra” no futebol: valorização da tática e da estratégia tornaram o futebol um tanto quanto “científico”, um tanto quanto “jogo de xadrez”. De nada adianta um time de estrelas que “não dá liga”. Em contrapartida, time de cabeças de bagre que bem se entendem, pode ir longe – mas não é este o ponto.
Cruzeiro tem suas notáveis limitações – em todos os níveis e sentidos. Mesmo diante tudo isso, soube se organizar, se motivar e fazer uma bela exibição contra uma das melhores – mais caras e mais badaladas – esquadras brasileiras.
A valorização da tática e estratégia se fez clara no clássico domingo, pois, Nacho, o argentino, é muito bom jogador. Só que, bem marcado, anulou quase por completo toda e qualquer ação e/ou jogada bem trabalhada pelo time rival, que, querendo sim querendo não, passam pelos pés dele, já que o time atleticano joga em função dele e não apresentou a variação de jogadas que se era de esperar de uma equipe tão qualificada.
A “zebra”, que disse ter se tornado nula, hoje, além da técnica e tática, também por fatores mais (emocionais, motivacionais, familiares, financeiros): há dias em que nada funciona, nada encaixa nem nada: não é assustador um time de estrelas, invicto num ano ser batido por um time de divisões inferiores numa decisão de torneio, por exemplo.
Tomara a bela exibição contra o Atlético ser uma mostra de um time que caminha para ganhar corpo e entrosamento. Que logo figuras como o Marcinho se encontrem e melhorem o futebol e outros mais possam dar o ar da graça e somar pontos positivos ao time, como Claudinho e Marco Antônio.

Gustavo Bianchetti

Gostei. Parabéns pelo seu comentário. Muito lúcido.

peppeu

Get a room, girls.

Beth Makennel Makennel

Kkkkkk
O galinheiro tá pegando fogo!

Sem Paciência

Então sai correndo da sua casa… KKKKKKKKK

peppeu

Carne de segunda não entra aqui não. Oferecida.

Teobaldo

Excelente comentário, pautado por inteligência, bom-senso, equilíbrio e, sobretudo, educação. Parabéns, Juliano! Oxalá todos os participante do blog (desse e de outros) fossem iguais a você. Saudações Atleticanas!

JCSR

Caro Teobaldo, parabéns por participar nos comentários com o respeito devido! Somos adversários e não inimigos. Seja sempre bem vindo! Obviamente digo isso pois sei a forma que o Sr, Dalai trata os ” comentaristas de plantão”. Vejo também seus comentários no blog do senhorzinho de longas barbas; porém lá o blogueiro não aceita nada que o contrarie. Desisti de qualquer comentário lá pois nunca são publicados. Saudações celestes!

Paulo Dias M Oliveira

Caros amigos, boa noite!

JCSR, abordou um tema que queria falar, da postura desse blog…. Dalai está realmente de parabéns. Se no início do Blog, muitos contestavam a atenção que o Dalai dá a todos, independente do time, Ele vem provando, nessa postura, que, como disse JCSR “Adversários sim, inimigos não”. E com o tempo, tenho sentido com prazer a interação dos atleticanos, saindo até um “coelho” da cartola, que parece ter desanimado um pouco, mas em breve deve voltar.

As gozações, naturais, devem ser levadas sempre no bom humor, pois futebol é e deve ser sempre e tão somente, Alegria! E seria maravilhoso que nessa consciência, não houvesse necessidade nem de divisões das torcidas, o que no momento é Utopia. Apesar de quê, Pietro Ubaldi já dizia que a Utopia de hoje será a realidade do amanhã! E a forma de agir do Dalai segue nesse sentido. Conquistou meu respeito e simpatia, de fato, Parabéns!!!

Acompanho todas as publicações e quase todos os comentários e estendo esse parabéns a todos, que vem moldando cada vez melhor uma convivência pacífica.

Sinto falta de mais postagens…. mas ninguém é de ferro e se torna trabalhoso demais.

Forte Abraço a Todos!

Paulo Dias M Oliveira

Sim….. Concordo com o Teobaldo e sobre a análise, acrescento a confiança, que é o motor de arranque para funcionar a parte tática. O gol do Ailton foi com frieza e de cabeça erguida, dentro da visão do jogo.

Nesse sentido o clássico costuma ser um divisor de águas e nossa vitória veio exatamente no momento certo. Vamos aguardar os próximos capítulos, consolidando essa atitude, tudo fluirá com maior facilidade. Que assim seja!!!

Gustavo Bianchetti

Bom dia, Dalai!!
Fiquei surpreso com sua coluna, confesso que esperava um ar mais eufórico. Parabéns pela parcimônia.
1 – Não cabe comparação entre o que fizeram Nacho e Marcinho. O seu 10 executou alguns lances que despertavam a ira dos próprios jogadores azuis, basta rever os lances e as caras e bocas que os azuis faziam.
2 – Tivemos lances que interferiram no placar. Para os dois lados, mas em momentos e circunstâncias diferentes do jogo.
3 – Em clássico tudo iguala quando a bola rola. Lá são 11 contra 11 e, geralmente, quem tem mais fome ganha.
4 – Achei que seu presidente fosse receber um troféu de campeão mundial, dada a euforia dele após o jogo. É muita cara de pau aparecer como herói nesta hora em que o mérito é totalmente dos jogadores. Oportunista como sempre. Será que vão voltar as lives de venda de gel novamente?? Kkkk

Henrique Rodrigues Nunes

Caro Dalai, me permita fazer uma humilde sugestão, sei que foi decidido que não teria coluna todos os dias, sugiro que em dias em que se tenham jogos como esse do fim de semana tenha coluna em caráter de urgência! Assim não se perde a emoção e o calor do momento! A vitoria da forma que foi merecia de brinde uma coluna escrita e postada no mesmo dia! Saudações Cruzeirense!

peppeu

Tá emocionado, filho? Respira. 2021 ainda vai longe…

João De Deus Filho

Bom dia.
Sabia que hoje a euforia seria total.
Eu tenho 62 anos e estava com um pé atrás em relação a esse jogo.
Afinal, não foram 1 ou 2 vezes que ví o time numa bagaça ser vencedor de clássico, onde o adversário era apontado como muito superior.
Então, o resultado me surpreendeu, porém não me faz necessitar de psicólogo.
Me vem à mente uma frase do filósofo Ronaldinho Gaúcho: Quando tá valendo, tá valendo.
Lembro de uma derrota, que os azuis gostam de nos zoar, mas que eu, se fosse azul, preferia que não tivesse acontecido.
Falo dos 6×1, que aliás, os azuis já experimentaram por 2 vezes, segundo consta na Enciclopédia do Cruzeiro.
Aquela derrota, atiçou os brios do Galo. Foi depois daquele jogo que tomamos vergonha na cara, montamos um time e fomos campeões da Libertadores, da Recopa e também da Copa do Brasil, justamente em cima do time azul.
Então, enquanto os azuizinhos zoam aquela derrota, eu rezo por ela sempre que posso.
Por coincidencia, essa derrota do último domingo, pode ser prenúncio de mais coisas boas vindo por aí. Lembro que o mesmo Cuca começou a temporada 2011 perdendo 6 jogos seguidos. Porém estava escrito que ele nos daria nosso maior título.
Domingo, novamente Cuca foi protagonista de uma derrota, que eu diria vergonhosa. Tomara que ela nos faça tão bem como aquele abençoado 6 x 1.
Então, eu vou deixar a minha assistencia psicológica prá quem realmente vai precisar, ao final desse ano de 2021, que continua me parecendo promissor.
Tenho certeza que esse time apático do Galo,que jogou uma simples partida que não valia nada (a não ser a rivalidade, que muitos dos jogadores não conhecem, pois acabaram de chegar), terão postura totalmente diferente nos jogos de Libertadores e os outros que realmente são nossas prioridades.
E também será muito bom tornar a encontrar o time azul na fase final do Mineiro.
Então, comemorem. Comemorem. E comemorem.
Vcs ganharam o título de 2021. Guardem os vídeos do jogo. Do gol. Das comemorações do presidente dentro de campo.
Pode ficar prá história.
E dou os parabéns ao time. Que jogou bem, com vontade e mereceu vencer esse jogo.
Futebol é feito de categoria e raça. E raça, enquanto faltou do lado de cá, sobrou do lado de lá. E determinou quem sairia com a vitória.
Uma boa semana a todos nós. Com saúde.
Quando o Galo me decepciona, eu ouço Beatles e fica tudo ótimo de novo. Melhor terapia. Depressão aqui não passa perto. Minhas 2 paixões de sempre.
Grande abraço.

Fabricio

Em 2018 quando a galinha ganhou de 3×1 o primeiro jogo, após estar ganhando de 3×0 e o Arrascaeta meteu um gol no finalzinho, as galinhas falaram ‘quando ta valendo ta valendo” e tomaram NAAABA no Mineirão, 2×0 e rural nosso.

João De Deus Filho

Vc tá comparando 2018 com 2021??? Esqueceu da realidade???. Leia as notícias, se atualize. 2018 tinha Wagner, Itair e Serginho, plantando as sementes dos frutos que vcs estão colhendo. Nossos mitos.

PAULO FIALHO

Para nós e para vocês tá valendo sempre esse confronto. Especialmente agora que estamos no fundo do poço. Ganhamos a copa do mundo. Se formos para a final, ou semi contra as frangas, possivelmente perderemos, mais essa vitória teve saber especial. As frangas achavam que iriam golear. Tomou um baile, um nó tático de um treinador de segunda divisão.

João De Deus Filho

Essas frangas que vc se refere é aquela parte da imprensa que gosta de jogar lenha na fogueira. Torcedor é otimista, mas sabe que futebol só se ganha dentro de campo. E tem derrotas que fazem bem demais a um time de futebol. A melhor de todas foi os 6×1 de 2011. Aquela derrota mudou o patamar do Galo. Ah. Vai pensando em qual música vcs vão pedir no Fantástico ao final do ano, quando continuarem, pela 3ª vez seguida, a jogar a série B.

Edmundo De Novaes Gomes

Ninguém do lado “rico” da lagoa…

Gustavo Bianchetti

Ninguém?? Somos a maioria aqui. Nós que damos ibope ao Dalai. Nunca o vi aqui antes, estreante e simpatizante.

peppeu

Porra, assim vcs espantarão o neném ali. Deixe ele ser ofendido mais um pouco, obséquio. Grato.

Sem Paciência

Errado como sempre! KKKK

peppeu

Boa tarde, novato. Acredito que o senhor pegou o ônibus errado. Vaza.

Rei Melo

Sr Dalai. engraçado como sumiram alguns paraguaios aqui de Bh no seu Quintal… Coitados gastaram uma fortuna , vivem de ilusão ,, podemos fazer o seguinte.. facilitar para eles ganharem o rural..
Tem um Sr .. aqui nesse jornal … em um blog … este Sr. coitado .. kkk ele se irrita e acredita que a CBF, NASA ou a Cia todos estão contra o time da construtora, que todo jogo é roubado desde 1971 e o pior acredita nisso kkk.. Se vc ler algum comentário de la percebe que não é somente ele… são todos kkk Quantas vezes o Sr ja percebeu isso ? kkkk agora arrumaram um palhaço com nome de super herói kkk.
Mas coitados.. vamos ao que interessa… tomara que amanha esse pessoal do Cruzeiro não vire abobora de novo.
É nítido que o Adriano sabe jogar bola, que o sobis é o melhor do elenco e que podemos melhorar e muito.
Mas com estamos falidos kkkk precisamos de ganhar para fazer um dinheiro , pagar contas , sustentar safados…Então é passar pelo América e seguir em frente…
Deixa esse ruralito pra lá vale nada… so serve para tirar sarro do pessoal da cavalara de Vespasiano.

Sem Paciência

Facilitar??? KKKK Já SABE que não vai ganhar, né? KKK Como o Dalai bem disse, foi só uma partida. Vamos aguardar! (Prof. Adilson “Pardal” Batista)

JCSR

Dizem as más línguas que o Hulk deu “piti” porque o Potker o chamou de Gracyane Barbosa. Que maldade !!!

Sem Paciência

Nos itens 10 e 11, absoluta lucidez e preparo. PONTO.
Esse time vai aonde contando com o “Imponderável”??? KKKK
Agradeço a sinceridade de confessar a tremedeira antes do jogo, sintoma clássico do “Mal de Parkinson Mariano”.
Aqui é Galo! Ganhando ou perdendo, sempre sem temor! KKKKK

Jamicel

Bom dia, Dalai!

O meu prognóstico baseado no Imponderável Futebol Clube deu certo, com exceção do placar, que seria 2×1!

Mesmo assim, continuo no caminho de que, tecnicamente, há evolução, mesmo que, no domingo último, a vontade tenha sido mais importante que a técnica !!!

Cruzeiro, Cruzeiro querido, tão combatido, jamais vencido !!!

lucio soares

Meu caro Dalai!
Foi isso mesmo que aconteceu. Nos preparamos para o pior, considerando o que vínhamos apresentando. Nao havia como vislumbrar uma derrota por um placar que não fosse superior a três gols. E assim me preparei, convicto de que o pior aconteceria. Mas os minutos iniciais ja mostraram que o time havia sofrido um reprocessamento. Não, aquele não era o Cruzeiro! Não podia ser! Como um time que não tinha mostrado nenhuma evolução enfrentava com total franqueza um adversário de mais de duzentos milhões? E foi o que você escreveu que aconteceu. Vamos esperar que continue acontecendo. Vamos esperar que o mesmo espírito encarne nos nossos jogadores doravante e eles possam ser, nesta quarta, os guerreiros de domingo. E escrevam mais um capítulo nas nossas páginas heroicas imortais.

Galo Doido New York

Se ganhássemos o jogo, teríamos chutado cachorro morto, se perdêssemos, teríamos apanhado de bêbado… O LPL (lado pobre da lagoa) comemorou como se fosse a conquista da LIBERTADORES.

Mãe Dinah confirma previsão: FALTAM 99 ANOS PARA O FALIDAO DO BARRA PRETO GANHAR OUTRO RURALITO…

Não se enganem, todos sabem que o moribundo no CTI, sempre da sinais de melhora antes de partir definitivamente…

Vou lembrar uma frase de João Paulo II :

UM CAMINHO SEM OBSTACULOS, PODE LEVA-LO MAIS LONGE DO QUE DESEJA

peppeu

Comentei acima que achei fracas as comemorações do título.

PAULO FIALHO

99 sem ruralito e 99 vocês sem brasileiro, ou acha que esse timeco vai ganhar de Flamengo, Palmeiras, Gremio, São Paulo. Sonha Alice….

Sem Paciência

Qual vc acha pior? Sem brasileiro? Ou ficar ATÉ sem o ruralito??? KKKKKK

Marcelo

Bom dia Dalai. Ainda sobre o clássico, foi muito bom mesmo essa partida e o resultado. Ainda mantenho minha opinião sobre a qualidade de jogadores que precisa ser buscada. Acho que a diretoria tem a mesma opinião porque continua se movimentando, que bom. Para mim, o melhor de tudo que vem se confirmando é o fato de que a escolha do treinador foi certeira. Ainda que tropeços vão acontecer, é inegável que Felipe Conceição sabe o que fazer com um time, é jovem, será um grande técnico do nosso futebol.
Sobre a reação dos adversários, continuo me deliciando. Costumo dizer para os mais chegados uma máxima: Quando você se ocupa demais sobre um tema, mesmo que mostrando menosprezo, está na verdade deixando explícito o quanto aquilo o incomoda.O que vimos desde essa crise que passamos, é de que acabou o nosso time, é um ex rival do lado de lá, o rival é o América. Mas a prática se mostrou diferente. Aliás, a contratação mais cara do time dos milhões, foi poupada para o jogo contra nós, não contra o América. E a comemoração pela vitória está incomodando demais, muito ressentimento. Até no blog do outro lado, foi postada com acesso de raiva, que bom.
Outro fator que reforça essa tese é sobre uma suposta zoação contra nós sobre a Copa do Brasil, digo suposta porque para mim é mais uma confissão de culpa. A de que a Copa do Brasil de 2014 vale mais do que todas as nossas. Ora, que bom ouvir isso, ganhamos nada mais, nada menos do que em cima de Grêmio, São Paulo, Corinthians, Palmeiras, e duas vezes do Flamengo – aquele que o é tal maior rival deles. Que bom que estamos acima de todos esses inegáveis gigantes em importância.

No mais, seguimos em frente com os pés no chão, afinal, temos uma dívida de 1 bilhão para nos ocupar, tem outros que estão nessa também, mas nem a matemática é mais uma ciência exata diante da alienação, o Papai Noel de lá disse que está tudo bem. Abraço.

Dcap

Boa tarde!

Felizmente vimos, no último jogo, uma mostragem do trabalho do treinador. Resultado de muito trabalho do Felipe Conceição, pois o grupo de jogadores é bastante mediano. Espero que amanhã o time encare o América de Natal com a mesma disposição. A única coisa que tenho a cornetar é a insistência do Conceição em trocar todo o meio de campo em todos os jogos. Isso desconfigura completamente o padrão da equipe. Colocar o Rômulo (que daqui a pouco será titular) ok, mas colocar os fracos Jadson e Neres atrapalha e muito. A propósito Dalai, cadê o Lucas Ventura (Nonoca) que não está sendo sequer relacionado? Ele é absurdamente melhor do que Jadson e Neres. Certas coisas são difíceis de entender.

Augusto

Prezado Dalai,
Parabéns pela vitória merecida.
O que não tem jeito de esconder é que o time do Cruzeiro é ruim demais e pelo visto vai permanecer mais um ano na série B.
E ficou claro também que o Galo é apenas um time comum que gastou muito mas não teve retorno.
O Galo tá cheio de cabeças de bagre a começar pelo goleiro.
E se o goleiro é ruim não podemos e nem devemos esperar muita coisa.
Abraço

Fabricio

Cruzeiro esse ano sobe com pé nas costas. E as frangas continuarão sendo mono, pra variar. a série A precisa do Cruzeiro pq se depender do mono e do mequinha que vai cair em ultimo fica dificil.

peppeu

Boa! Senti falta da Praça 7 e Afonso Pena fechadas para comemoração do merecido título!

Fabricio

Esse titulo vcs comemoraram em 2020 dando volta olimpica apos 2×1 suado contra o sub 20 do multicampeão. kkkkkkkkkkk memoria curta das frangolas.

PAULO FIALHO

Aliás o único de 2020 e possivelmente o único de 2021, se tudo der certo…….

Sem Paciência

E as marias??? Nem esse! KKKKKKKK

Sem Paciência

Perderam pra um time sem técnico na oportunidade! KKKK Quem comemorou antes da hora e tomou bola debaixo das pernas foi o Prof. Pardal! KKKK Lembra dessa, mariola? KKKKKKK

JCSR

Valeu mais pela classificação e pelo prêmio que pelo futebol apresentado. Marcinho sonolento e Bruno Jose sem produzir nada. Agora, Rômulo não pode ficar fora deste time,