POR FAVOR, PREFERIMOS SEM EMOÇÃO!

  • por em 8 de agosto de 2020

Gustavo Aleixo/Cruzeiro/Flickr

Prezado Enderson Moreira,

Em nome de 9 milhões de cruzeirenses ainda em estado de choque, nesta noite, queremos avisá-lo de que preferimos voltar à Série A, sem abalos sísmicos. Corações ameaçados pelo COVID-19 não resistem a gol de empate aos 40 do segundo tempo!

E naquela eternidade de dois minutos que antecedeu o gol da vitória vi a decepção da alma manchando a nossa camisa e a nossa esperança.

Para evitar que isto se repita, não podemos mais ter um primeiro tempo como aquele, descolorido, parecendo que tínhamos dez pontos sobrando, e não seis faltando.

Deixar para resolver tudo no segundo tempo, em nossa casa, é um convite ao desespero e o cruzeirense não tem mais coração pra isto.

Enderson, sabemos que você sabe o que faz, mas podemos mandar um lembrete?

Queremos jogadas ensaiadas, agudas no último terço do campo; queremos escanteios também ensaiados, variados, que representem perigo e desestabilizem a defesa adversária. Imagine que hoje num escanteio nosso, a bola foi sendo recuada até parar nas mãos do Fábio!

Desculpe-nos, Enderson. Estamos ainda muito abalados.

Dos 40 aos 42 minutos, primeiro quase morremos de angústia.

Depois, quase morremos de alegria.

Não faça mais isto: já pagamos, com sobra, nossa cota de sofrimento nestes dois últimos anos.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

All Comments