ROMERO X SCARPA

  • por em 14 de janeiro de 2024

Cruzeiro / Gustavo Aleixo / Flickr

O Imponderável F.C. atua nas sombras enquanto a vida que a gente vê e sente vai se desenrolando à nossa frente. Pensamos que tudo se resume ao que nós vemos, sentimos e ouvimos. Ledo engano! O destino tece escondido, às vezes nas nossas costas.

Na mesma semana em que Lucas Romero volta ao Cruzeiro, após mais de 4 anos, Gustavo Scarpa chega ao Atlético como sua grande e única contratação para este ano. Negociações longas. Em ambas, o dedo dos técnicos atuais. Felipão foi decisivo para Scarpa preferir o Atlético. Nico – assim chamado por Romero o treinador Nicolas Lacarmón – foi fundamental para que o volante optasse pelo retorno.

A imprensa setorizada de cada Clube noticiava os fatos como se estivesse em mundos diferentes. O blogueiro imaginava os gramados únicos que colocariam os dois frente a frente. Transitam pelos mesmos pedaços do gramado. Quem se dará melhor?

Os atleticanos, que não foram receber Scarpa no aeroporto, condenaram os cruzeirenses que estenderam o tapete vermelho pra Romero. Temos nossas razões e não são poucas.

A sorte está lançada. O primeiro confronto dos dois seria dia 4 de fevereiro, pelo campeonato mineiro, mas foi marcada para esse mesmo dia, no Mineirão, a decisão da Supercopa do Brasil (Palmeiras x São Paulo). Com isto, antecipou-se  o clássico para o dia 3, sábado, na Arena MRV. 

BATE PAPO NO QUINTAL

1. Gustavo Bianchetti, em mensagem de Ano Novo, sintetiza com fidelidade, a relação “psicopática” entre cruzeirenses e atleticanos:

“Feliz 2024, menos no futebol. A vocês, Azulinos, acho que um 5º. lugar no Mineiro, uma queda nas oitavas da Copa do Brasil, uma queda na primeira fase da Conmebol Sulamericana e um 17º. lugar no Brasileirão está ótimo, a julgar pelo entusiasmo… kkk”

Meu caro Gustavo, entendemos esse sentimento. O nosso é igual, com os sinais trocados, óbvio. Num torneio de cuspe à distância se o Atlético estiver na final, somos o outro, de corpo e alma. Zapeando a tv, quarta-feira última, topamos com a derrota parcial do Sub-20 atleticano, no primeiro tempo, 1 x 0 frente ao Ska Brasil, em Santana do Parnaíba. A partir dali foi o nosso foco, apesar de vários jogos na Europa. Era como se o Cruzeiro estivesse vencendo partida importante. Pra nossa frustração, houve empate e, aos 44 min, veio o gol da vitória atleticana. Decepção geral, amainada com a goleada cruzeirense sobre o União Mogi: 9 x 0, classificando-se em primeiro no Grupo 28.

Na noite de sábado, alegria perfeita: o Cruzeiro classificado, com a vitória de 1 x 0 sobre o Madureira e o Atlético eliminado pelo estreante Sfera, 1 x 0. Copinha prossegue com dois mineiros: Cruzeiro e América, que passou pelo Desportivo Brasil nos pênaltis.

Esta quase doentia torcida pelos adversários do rival acontecia até quando o Atlético disputava outras modalidades esportivas, o que não ocorre hoje quando se limita a um desprezado time de futebol feminino.

Enfim, Gustavo, somos tal e qual. Temos um clube de coração e alma. O segundo é sempre o adversário de nosso rival.

Outra: ainda não consegui descobrir o que me proporciona mais prazer como torcedor: vitória do Cruzeiro ou derrota do Atlético?

2. João de Deus Filho, nosso Guru da Racionalidade, sobre essa rivalidade, confessa:

“Meu sonho seria ver jogos com as torcidas sem separação, cada uma vibrando com seu time. Futebol é motivo de alegria, sempre foi.”

Meu caro João de Deus, este é seguramente o sonho de muitos. E não é impossível. No antigo Mineirão, embora cada torcida tivesse o seu espaço próprio, não havia separação pois o anel interno era completo, dava a volta no campo todo, sem interrupção. Por ele você alcançava qualquer ponto das arquibancadas. Certa vez, com filhos e sobrinhos uniformizados, um de colo, fui percorrendo o anel, à procura de um acesso às arquibancadas menos lotado.

Achei um e, distraído, fui me espremendo com os meninos, subindo degraus até que cheguei no ponto que se avista o gramado. Estava no coração da torcida atleticana. Vaias e xingatórios nos acompanharam na rápida fuga. Mas não passou disto.

3. Murilo de Andrade Marçal, inexplicavelmente pessimista:

“Dalai, estão fazendo um time pior que o de 2023, até agora de reforço só o Romero”.

Vou discordar de você, Murilo, até porque seria difícil armar um time pior do que o do ano passado especialmente quanto ao ataque. Você verá que não só Romero é um bom reforço. Aposto todas as fichas em mais 3 nomes, além dos bons que ficaram. Pode anotar. Mas continuo lamentando a saída de Bruno Rodrigues.

4. Rei Melo cobra do blogueiro as apostas erradas, especialmente com Ederson Moreira, “idolatrado como novo Guardiola…”

Meu caro Rei Melo há que se contextualizar estes vaticínios. A época era de vacas magras, horizontes sombrios. Ederson Moreira poderia, sim, ser uma boa opção. O mesmo com Sassá, mas não deu certo.

Quanto a Luiz Antônio, excelente goleiro. Deu muita alegria à Nação Azul. Tive o prazer de recebe-lo em visita ao Cruzeiro.

5. Roberto Cardoso tira casquinha nos cruzeirenses no caso do pretendido Fernando que estava no Sevilha e queria voltar ao Brasil,

“… preferiu desfilar seu inigualável talento no poderoso Villa Nova-GO? É, amigos, após o fundo do fosso tem sempre um alçapão.”

Meu caro Roberto, somos alvos inertes de um absurdo volume de informações a cada hora do dia. Centenas são verdadeiras, outras criminosamente mentirosas, outras tantas incompletas. Você caiu nestas últimas. Recebeu informação parcial. O Cruzeiro e outros grandes clubes pretendiam contratar o excelente Fernando. Por questão de caso grave de doença em família ele preferiu ficar perto, assinando com o time de Goiás.

6. Roberto Cardoso-2 retorna ao QUINTAL na esteira da mensagem de Rei Melo, lembrando-se do goleiro Luiz Antônio. Entornando maldade pelos poros:

“Lembro-me muito do Luís Antônio, excelente goleiro que veio do América de São José do Rio Preto. Ficou marcado num jogo contra o Santos que, no primeiro tempo já vencida por 5 x 0. Segundo Serginho Chulapa, o Luís Antônio falou com ele no intervalo que se o Santos fizesse mais um gol o Cruzeiro sairia de campo…”

Meu caro Roberto, releia o lembrete na sua primeira postagem sobre verdades parciais… Mais uma vez você comete este pecadilho. Cuidado porque, da próxima, já vai pedir música no Fantástico. O jogo ocorreu em 30 de março de 1983, no Morumbi, pela antiga Taça Ouro (Campeonato Brasileiro). Nosso goleiro era o Vitor. Ainda no primeiro tempo, o Cruzeiro teve 3 expulsos (Osires, Joãozinho e Palhinha). Jogadores santistas e o técnico Formiga negaram qualquer acordo com o Cruzeiro pra não ampliar o placar de 5 x 0. Formiga explicou que o Cruzeiro, com 8, obviamente retraiu-se e então pediu aos seus jogadores que evitassem disputas violentas pra não se contundirem. Na época, o falante Serginho Chulapa disse que recebeu pedido de Luís Antônio (goleiro reserva) pra não marcarem mais gols, mas não levou a sério.

Roberto, agora você tem uma opção: esgote antes informações sobre o fato que deseja comentar ou vá pensando na música…

7. Marcelo censura o blogueiro:

“Ô Dalai, ressuscitar Dorival Junior como treinador do Cruzeiro? Não dá para, pelo menos, tentar falar do presente ou de um passado recente? Depois quando falam que simpatizante do Cruzeiro é admirador de museu, ficam bravinhos…”

Marcelo, a gente entende a aversão do atleticano quanto ao passado. Não é brincadeira, quase meio século na sombra do rival. Lembra? A gente cantava na arquibancada “Não ganha nada, time sofredor...”  E vocês agitavam bandeiras do Borussia e do Bayern…

Quanto a Dorival, o assunto atualizou-se porque ele agora assume a seleção brasileira. Era um treinador desconhecido na primeira prateleira do futebol brasileiro quando o Cruzeiro acreditou nele. O garimpo foi nosso.

8. David, filosofando, lança enigma: 

“Inflação de abraços e eu aqui curtindo ainda uma ternura antiga… porque chove lá fora! Salve Nação Azul”.

Consultei meus assessores de praxe pra assuntos aleatórios: Manuel Panhame e o Conselho de Anciãos da Grande Bom Despacho. De ambos veio a mesma resposta: David está apaixonado.

9. Leo Aragão – Sua chegada ao Cruzeiro, na semana passada, mostrou a colcha de retalhos, social, que é o futebol. Enquanto alguns craques, lamentavelmente, nas entrevistas, se revelam semialfabetizados, outros estão na ponta oposta, como o jovem goleiro Leo Aragão, 21 anos, formando-se em economia em 2026. Parabéns e benvindo.

10. Estevão “Messinho” – A presença de emissários do Chelsea, em São Paulo, pra negociar com o Palmeiras o passe do jovem de 16 anos, traz à tona o passado de atrapalhadas do Cruzeiro como “guardião” do menino. Tinha oito anos de idade. Wagner, Itair e assessores colocaram uma noviça carmelita encarregada de afastar lobos, gaviões, crupiês, videntes, cafetinas e estelionatários que rodeavam a caça. Quando acordamos, o garoto estava no Palmeiras.

Pessoal do Chelsea disposto a pagar multa rescisória: 45 milhões de euros, 240 milhões de reais.

GARIMPO

“Comecei uma dieta, cortei bebida e as comidas pesadas. Em catorze dias, perdi duas semanas.”

(Joe E. Lewis)

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

All Comments

Subscribe
Notify of
guest
25 Comentários
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
ROBERTO CARDOSO

Galai, sei que não é de seu feitio escamotear a verdade, mas no seu comentário relativa à minha participação relacionada ao ex-goleiro Luís Antônio, faltou a frase final, que repito a seguir

“LENDAS DO FUTEBOL de antigamente, mas coincidência ou não, o jogo terminou com o placar do primeiro tempo”. (grifei)

Logo, quem cometeu o pecado da “verdade parcial” não fui eu.

Abraços!

Manuel Panhame

Manuel Panhame, historiador contratado pelo Quintal dos Atleticanos para ensinar aos frequentadores deste latifúndio o devido lugar de cada Clube na ordem das coisas nestas Minas Gerais de Gustavo Scarpa e Margival Mendes Leal, exerce, com o conhecimento de quase todos, as funções paralelas de filósofo e atleta de alcova. O que seria uma sobrecarga de funções a qualquer cidadão normal, para Manuel Panhame, índio situado momentaneamente à margem do tempo, jardineiro bem experimentado, isto vem significar coisica de nada das pequenas. Só que ainda não é tudo: a pessoa desse multifacetado cidadão peçanhense ficou sabendo na manhã desta segunda… oh, palavrinha gostosa, sô!, saborosa, eu diria e digo, diante dela, nós que somos do Clube Atlético Mineiro e vibramos com alegria nas vitórias chegando até mesmo a perder o fio do prosa… Mas eu, com um esforço didático digno de louvor luto e consigo retomá-lo… segunda-feira, dia 15 de janeiro do Ano de Nosso Senhor Jesus Cristo de Dois Mil e Cruzeiro… Como dizia escrevendo minha pessoa, e dizia muito bem, nesta manhã gloriosa de segunda (kkkkkk), l5, ela, minha pessoa saborosamente bem ocupada, ficou sabendo que ainda não é tudo, tendo sido promivida.a Consultor dos Assuntos Aleatórios… Maravilha das maravilhas! Que beleza, meu patrão, este vosso funcionário entendendo que tal significará, claro, um substancial pontual aumentos dos honorários, tendo em vista que essa consultoria não vem a ser qualquer coisa que qualquer um esteja devidamente habilitado para por ela responder… Dito isto, Manuel Panhame aproveita o momento festivo para uma vez mais ensinar às cabeças que o maior feito de um Clube das Américas, talvez até mesmo a gente tendo de incluir na história o Velho Mundo e os demais continentes emergente, este feito portentoso repousa no Hino dos Hinos glorificando devidamente o Maior das Alterosas desde que o mundo é mundo nas Alterosas. Se tratou aquela de uma conquista metafísica, eis o por quê de um filósofo estar lecionando a vocês, estudantes pouco esclarecidos nas culminâncias do intelecto, assunto tão magnificamente rarefeito… Perceberam como a alta filosofia está capacitada para dispensar os pormenores da nomenclatura? Nada é dito, tudo é entendido: é a Metafísica, a esfera que nos habilita a pensar o sublime… Taça, final, vice-CAMpeão… Meu Deus! Como são ainda simplórios os habitantes do lado segundino de Belo Horizonte, conhecida nos altos centros como Cidade do Galo, e nas faixas sorrateiras de Minas Gerais estranhamente dividida em perigosas facções… Bem mais que um mundial: esta minha colocação chega a ser limitada: que vem a ser um mundialito diante de tamanha façanha? Mais que tudo o que pode ser pensado com cabeças que pensam… Copiem. Manuel Panhame, filósofo de quatro costados, vai neste instante por em prática com vossas bem intencionadas pessoas aquela didática prática do afastamento para a devida reflexão dos alunos. Numa aula de filosofia o Mestre lança o tema e abandona a sala, esta agora entregue às inteligências pensantes para a livre e séria ruminação…
Boa segunda para todos! Eta palavrinha porreta! So de pronunciá-la ficamos com água na boca… kkkkkkkkkk

Marcelo

Caríssimo Dalai, passado em se tratando de futebol não vale nada!
Quem vive de passado é museu!
Aliás o que Dorival Júnior ganhou no extinto Cruzeiro?

Observando a Codorna

MENTIRA!

Todo grande clube se orgulha de seu passado, sua história, suas conquistas, seus títulos. É conversa mole de todo pateticano ficar com essa frase feita de quem vive de passado é museu porque um clube que foi fundado por Ronaldim Gaucho tem poucos anos e poucos títulos, poucas conquista, um Insignificante Futebol Clube de vespasiano.

O ASA é um Bangu de Minas mal comparando, com todo respeito ao time carioca, um monotítulo até poucos anos atrás, somente um ignorante e/ou um débil mental não sabe reconhecer um passado de glórias de algum clube.

O extinto Cruzeiro foi aquele que meteu ferro nas frangas em plena arena Cu de Zebra o ano passado?

SELO DE MENTIRA CARIMBADO COM SUCESSO!

joão de deus filho

Sr Dalai.
O sr gosta de tocar no assunto de 50 anos do Galo.
Pois bem, eu daria uma sugestão ao sr e a toda torcida azul do CSA-MG.
Procurem no Youtube uma entrevista do Zezé Perrela, ex presidente do seu clube onde ele diz que o CSA-MG demorou 83 anos prá conquistar seu primeiro Brasileirão. 83 anos.
Por acaso, foram beneficiados com um título, via fax de uma suposta Copa do Brasil em 1966, coisa que nenhum torcedor azul esperava.
Então, se nós torcedores do Galo, ficamos 50 anos (lembrando que nesse período conquistamos 2 Conmebol (95 e 97), vcs demoraram muito mais prá comemorar um Brasileiro.
Então, qual clube teve o maior vácuo de títulos em Minas Gerais???
Ou será que vc vai discordar do Perrela????
E por favor, não reclame comigo, dirija-se ao Perrela. Quem nos advertiu sobre esse dado foi ele.
Grande abraço.

Observando a Codorna

MENTIRA!

Vamos lá ensinar um deslumbrado que NÃO conhece a história do futebol brasileiro e quer INVENTAR uma estória da carochinha, próprio aqui do blog do faz de conta e dos bobinhos de plantão.

Primeiro ensinar a fazer conta, matemática pura: O Cruzeiro foi campeão brasileiro em 1966 e depois em 2003, então 2003 – 1966 = 37 anos.

Outra coisa:

Cruzeiro foi eleito o maior time do século XX

Últimas Notícias
De João Valença em 24 set 2023 13:44

A história do Cruzeiro não nos deixa mentir. O time mineiro é um dos maiores do Brasil, que dirá do estado. Para se ter uma ideia, a Raposa foi eleita o melhor time brasileiro do século XX, de acordo com um levantamento da Federação Internacional de História e Estatísticas do Futebol (IFFHS). 

A entidade baseou-se nos clubes da América do Sul que disputaram torneios internacionais no século passado, a exemplo do que foi feito na Europa. O fato é que o Cruzeiro apareceu como o melhor time do país no período em análise. 

Os títulos do Cruzeiro no século passado
Foi uma era vitoriosa. Ao todo, o Cruzeiro conquistou sete competições sul-americanas no século passado. São elas: Libertadores 1976 e 1997; Supercopa dos Campeões da Libertadores (1991 e 1992); Recopa Sul-Americana 1998; Copa Ouro (1995) e Copa Master da Supercopa 1995.

De acordo com os critérios de pontos adotados pelo órgão, o Cruzeiro somou 295,5 pontos e ocupou o sétimo lugar na lista dos maiores times da América do Sul no século passado. O São Paulo foi o segundo clube brasileiro, com 242 pontos. 

Agora o cara comemorar copa conmebol, um torneio que nessa época só era disputado por times do segundo escalão dos países sulamericanos é uma piada pronta, devia ter ficado calado.

Mas o mais engraçado é pateticano querer zoar Cruzeirense sobre conquista de títulos. hahaha. Até poucos anos era um monotítulo, time sem BI, time fundado por Ronaldim Pudim de Pinga, sempre zoado que a sala de troféus é igual Guarapari, só tinha mineiro… haha Clube DESCONHECIDO em todos os países da América Latina, era chamado pelos jornalistas de time do ronaldinho. haha O Cruzeiro revelou o Ronaldo para o mundo e o Ronaldim revelou as frangas para os países sulamericanos, essa a diferença.

TUDO que se refere a esse Bangu de Vespasiano vira piada até a mania de grandeza das codornas.

Está perdendo tempo querendo escrever outra história do futebol brasileiro. O brasil inteiro sabe da grandeza do Cruzeiro e da pequenez do Mineiro de Vespasianus.

Vc Jão Dragão que enche a boca pra falar dos mecenas, da SAF, cadê o investimento nas categorias de base? Por que o time feminino estava o ano passado sem lugar pra treinar, sem material esportivo? Cadê o time rico, sem dívidas? Diz ai….

SELO DE MENTIRA CARIMBADO COM SUCESSO!

O PRÓXIMO.

Observando a Codorna

Outra coisa:

O Perrela já faz parte de um passado distante do CRUZEIRO.

E o que vc acha do Menin que falou:

.O ASA vai ser uma potência do futebol mundial em poucos anos!

.Faremos uma Arena com recursos próprios, sem custo algum para o clube, totalmente quitada!

.Vamos vender camisa até na China, igual o Barcelona!

.Iremos disputar todos os títulos para ser campeão!

.Vamos investir nas categorias de base para revelar muitos jogadores!

Acabei de compor uma música agora:

pegaaa na mentiraaaaa…..oi, pegaaa na mentiraaaa.

só piada essas codornas!

Rei Melo

Dalai .. Nos concordamos somente que somos cruzeirenses.
Erros como Ederson.. Marcinhos.. novo alex … Sasas… continuam na sua mente que eles eram o ideal.kkkk
Lembra de Itair.. De Batore o analfabeto e o do pinguço apoiado por 400 sem vergonhas passa fome? lembra nada!
Lembra de idolatrar esse goleiro mea boca, arrogante que ninguém gosta.. de tentar fazer Machado de titular kkk .. e insiste que o marginal do Sasá deveria ser a solução!!
Melhor mesmo é discutir com o seu pessoal que o titulo de 1321 o patético ganhou…
falta do que fazer viu… kd a porra da taça do tal titulo…kkk ta no email? a foto?
Quanto ao péssimo goleiro que temos.. não vai durar muito… é muito ruim mesmo o Sr o idolatrando ou não..
Não chega nem aos pés do luis Antônio que não era considerado um bom goleiro…
Mas que vestiu e honrou o time..
Agora esse ai frangueiro com braço de 10 cm .. não consegue nem coçar a orelha…
Vamos ver quem ta certo…
Lembra da mea culpa que o sr propos, quando defendeu o fracassado Zé ruela ricardo?
Coitado do goias…kkkkkk

Marcelo

“ A gente entende a aversão do atleticano quanto ao passado”
Não foi sobre isso que falei/ perguntei, Dalai!
Fugindo da pergunta?

Observando Franga Carente

O que uma galinha quer que o Galai responda? Que o Átomo de Minas é time grande, de passado grandioso, muitas conquistas, muito títulos?

Pede com jeitinho que ele te Atende! Haha

É cada uma… ain, ain, vc tá fugindo da pergunta. Haha É muita asneira!

Marcelo

Oi confrades e Galai, estive ausente alguns dias e estou demorando a postar porque o vizinho trocou a senha da internet e só consigo acesso grátis quando vou nas Casas Bahia e me cadastro como cliente.

antonio

O time da MRV é o favorito ao título mineiro. É o time da FMF. A MRV, entre 2003 e 2017, faturou + de R$ 35 bilhões com os programas do PT/Lula/Dilma. É mole??!!

Marcelo

Fica tranquilo que endurece e você se satisfaz…….

Augusto

depois que endurecer vc chupa, franga cadela, só pensa em putaria esse animal.

Augusto

Qual o problema em faturar este valor?? Ele roubaram??
Mais um tiozinho do ZAP falando bobagem.

Marcelo

Só um imbecil que ACHA que é normal isso, uma empresa faturar esse valor em um “programa social” da petralhada ladrona. E vc sabe se foi roubado ou não?

Nos DESgovernos do Larapio de 9 dedos, roubaram, CONFESSARAM os roubos e DEVOLVERAM o dinheiro roubado e depois “anularam” os processos alegando que o foro de Curitiba não era o indicado, não foram absolvidos.

Só um vagabundo torcedor de político bandido que quer escrever outra história da política brasileira! OTÁRIO! O tolo não consegue falar de futebol e quer falar de política?

Augusto

O VAGABUNDO de porta de quartel se pronunciando kkkk
Quem tá falando de politica idiota. Só houve um questionamento quanto ao faturamento da empresa com uma afirmação leviana do outro babaca, que acho que se trata de mais um de seus FAKES.

Gustavo Bianchetti

Ronaldo Gorducho frustra a torcida e decreta: Diego não vem mais. No CSA-MG só um “De Costas”, o Fábio.

Dudu Coprofagico

VAZA FRANGA COMEDORA DE DEJETOS FECAIS.

Observando a franga burra

Me lembrei de uma história:

Um cara estrangeiro chega ao Brasil e pergunta ao seu amigo brasileiro:

_E ai meu amigo, como é viver no Brasil?

_Não posso reclamar, disse o brasileiro.

_Quer dizer que é bom então?

_Não! É que não posso reclamar mesmo!

Gustavo Bianchetti

Ronaldão Gorducho frustra a torcida e decreta: “Diego não vem mais. No CSA-MG jogador “De Costas” só um, o Fábio!”

Observando a franga burra

MENTIRA!

O jogador Diego Costa não quer voltar ao Brasil porque sua esposa está grávida e ela quer ter o filho nos EUA para ter a cidadania americana.

Só um otário, mal informado que vem cagar tolices!

De costas tá o seu toba fumegando, franga cadela!

Marcelo

kkkkk O Nelson Rubens BBB, comedor de caca sabe tudo kkkkkk

Eduardo Silva

Boa noite, estou organizando uma caravana para ver o Cabuloso nas 4º da Copinha em SP, depois faremos uma ação social.

https://www.gp1.com.br/bizarro/noticia/2024/1/13/bar-lgbt-inaugura-mamodromo-e-suruba-beneficente-em-sao-paulo-562995.html